Ação vai coibir barragens ilegais que desviarem água da transposição na Paraíba

13
0
COMPARTILHE

Técnicos da Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa) estão fiscalizando as águas do Rio São Francisco no trecho entre as cidades de Monteiro e Camalaú, no Cariri paraibano, para evitar a construção de barragens clandestinas com a utilização das águas da transposição. As equipes também estão cadastrando usuários e instalando Plataformas de Coleta de Dados.


Leia mais Notícias no Portal Correio

No curso do Rio Paraíba, a Aesa vai instalar oito plataformas eletrônicas de coleta de dados, obtidas em parceria com a Agência Nacional das Águas (ANA), para acompanhar a vazão das águas da transposição, realizando monitoramento em tempo real.

“Não admitiremos construções de cercas transversais no leito do rio, pequenas barragens ou qualquer outro impedimento. A água só poderá ser usada para consumo humano e animal. Neste momento, nossa prioridade é garantir a chegada dela no açude Epitácio Pessoa”, afirmou o presidente da Aesa, João Fernandes.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas