Adriano Galdino ? contra ida de P?mela B?rio ? ALPB

0
COMPARTILHE

O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, deputado estadual Adriano Galdino (PSB), foi taxativo nesta quarta-feira (10) ao afirmar que não permitirá que a ex-primeira dama do Estado, Pâmela Bório, preste esclarecimentos sobre as publicações que tem feito nas redes sociais em que acusou o governador Ricardo Coutinho (PSB) e utilizar a influência do cargo para prejudicá-la.

Leia mais notícias de Política do Portal Correio

Segundo ele, a Assembleia Legislativa “não se tornará palco de vida privada, nem de assuntos pequenos”. “Não é interesse para Casa de Epitácio Pessoa estar entrando nessa seara, a Assembleia não vai entrar e nem permitir que assuntos de vida privada sejam explorados no âmbito do legislativo”, justificou.

A deputada estadual, Camila Toscano (PSDB), presidente da Comissão da Mulher,colocou, nessa terça-feira (9), a Comissão da Mulher na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) à disposição da ex-primeira-dama do Estado, Pâmela Bório, caso ela necessite de apoio. “Estamos à disposição dela e de qualquer mulher que se sinta ameaçada, coagida e que não encontre na polícia ou na justiça o apoio necessário”, disse.

Pâmela Bório alega ainda que foi vítima de violência doméstica e que vem sofrendo violência psicológica. As declarações foram dadas após Pâmela ter sido levada à delegacia, no início da noite da última segunda-feira (8), para prestar esclarecimentos, depois de ter sido acusada de agredir a ex-babá do seu filho.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas