ALPB aprova projetos de lei de incentivo ao uso de energias renováveis na Paraíba

5
0
COMPARTILHE

A Assembleia Legislativa da Paraíba aprovou, nesta quarta-feira (25), durante Sessão Ordinária, 91 matérias, entre as quais 18 projetos de lei e 73 requerimentos. Por unanimidade, os deputados aprovaram os Projetos de Lei do presidente da Assembleia, Adriano Galdino, com o objetivo de incentivar o uso de energias renováveis.

Leia mais notícias de Política no Portal Correio

Com o intuito de legislar de forma que incentive a economia de energia gerada através de usinas hidrelétricas, o presidente Adriano Galdino ressaltou que o projeto de lei 314/2015 dispõe sobre a obrigatoriedade de instalação de sistemas de captação de energia solar na construção de novos prédios, centros comerciais e condomínios residenciais em todo o estado. “Essa Casa pode contribuir, e muito, para a questão do uso de forma racional do potencial hídrico da Paraíba. No momento em que passamos a usar a energia eólica ou a energia solar, nós estaremos economizando água também”, argumentou o presidente.

Sobre o Projeto de Lei 531/2015, que prevê a criação de uma política estadual de geração e aproveitamento da energia solar e eólica na Paraíba, o deputado Jeová Campos elogiou a iniciativa do presidente em elaborar projetos voltados ao uso de energia renovável e à sustentabilidade. “O presidente chamando a atenção da Paraíba para a questão da energia solar. Precisamos nos organizar neste momento porque, de fato, esta discussão está ganhando força, está juntando mentes e isso é muito importante para o futuro da Paraíba”, afirmou Jeová.

Durante a sessão, o deputado Buba Germano lembrou a realização de audiência pública na última sexta-feira (20), no Instituto Federal da Paraíba (IFPB), no município de Picuí, para debater a respeito das energias renováveis. De acordo com o parlamentar, o evento foi extremamente positivo, pois trouxe a oportunidade de apresentar projetos que estão em andamento no estado e fez com que lideranças de várias regiões estivessem presentes, demonstrando interesse no tema. “Temos empresas instaladas nas regiões do Seridó e Curimataú há mais de 6 anos fazendo estudos já com parques projetados. Foi importante porque, atendendo ao requerimento da Frente Parlamentar Municipalista, prefeitos da região participaram da audiência”, destacou Buba.

 
Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas