Alta na gasolina aumenta procura por GNV na PB; veja dicas de economia

1
COMPARTILHE

Com um volume de 31,5 milhões de m³ comercializado no ano, a Companhia Paraibana de Gás (PBGás) registrou um crescimento de 2,5% no consumo do GNV em 2016 em relação ao ano de 2015, o que sinaliza uma retomada no crescimento do gás neste segmento estratégico para a companhia. De acordo com os dados da PBGás, a alta foi registrada principalmente no segundo semestre do ano quando cresceu 4% em relação ao primeiro semestre de 2016.

Leia também: Petrobras eleva preço do óleo diesel em mais de 6% nas refinarias; veja valores

Segundo o gerente de Mercado Automotivo e Industrial, Alairson Gonçalves Filho, os últimos reajustes nos preços dos combustíveis líquidos e a economia proporcionada de cerca de 50% do GNV elevaram a procura pelo gás natural nas convertedoras, principalmente para pessoas que utilizam o carro como instrumento de trabalho. Alairson acredita que o ritmo de crescimento será mantido ao longo de 2017.

O proprietário da convertedora New Gás, Francisco de Assis, disse que nos meses de novembro e dezembro as conversões aumentaram em 60% em relação aos meses anteriores e continuam em alta no início de janeiro.

O empresário explicou que a economia proporcionada pelo GNV e o bônus de R$ 600,00 concedido pela PBGás para quem instala o kit de gás são fatores que motivam esse crescimento. “Digo com muita certeza que o taxista ou pessoas que trabalham com o carro hoje só ganham dinheiro se rodarem no gás natural”, explicou.

O Programa de Incentivo ao GNV concede um bônus de R$ 600,00 para cada motorista que instalar o Kit GNV de 5ª geração em uma das convertedoras credenciadas em João Pessoa e Campina Grande. Para quem instalar o kit de 2ª ou 3ª geração o bônus é de R$ 450,00.

Para receber o benefício, basta o motorista instalar o kit e o cilindro no período de vigência do Programa de Incentivo ao GNV em convertedoras credenciadas pela PBGás em João Pessoa (New Gás) e Campina Grande (Maecio Serviços, EquipeGÁS e Campina GNV) e seguir as normas do programa disponíveis no endereço eletrônico www.pbgas.com.br ou no Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC), pelo 0800 281 0197.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

 

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas