Alunos da rede estadual são finalistas do programa Jovem Embaixador 2017

7
0
COMPARTILHE

Três alunos da rede estadual de ensino estão entre os quatro selecionados no programa Jovens Embaixadores 2017. Os alunos Emanuel Rodrigues dos Santos e Micaele da Silva Garcia, da Escola Estadual Dr. Antônio Fernandes de Medeiros, da cidade de Malta; e Érick Gomes de Freitas, da Escola Estadual José Nominando, da cidade de Água Branca, foram selecionados após participação na prova escrita, oral e visita socioeconômica. O quarto aluno selecionado é do IFPB, Campus de Campina Grande. O resultado final do programa será divulgado entre os dias 21 e 28 de outubro.

Leia mais Notícias no Portal Correio

Custeado pelo governo norte-americano, o programa seleciona todos os anos 50 jovens finalistas de todos os estados do Brasil para fazer um intercâmbio de um mês, nos Estados Unidos. Lançado pela Missão Diplomática dos Estados Unidos no Brasil, o programa já mudou a vida de mais de 460 estudantes da rede pública brasileira e permite aos participantes aprimorar as suas habilidades em liderança, conhecer uma nova cultura, interagir com jovens americanos e buscar oportunidades de crescimento pessoal e profissional.

Programa Jovens Embaixadores – O programa foi criado pela Embaixada dos Estados Unidos no Brasil e o primeiro grupo viajou em 2003. A partir de 2012, o programa passou a ser reproduzido em todos os países do continente americano. Os parceiros da iniciativa são: o Conselho Nacional de Secretários de Educação – Consed e as Secretarias Estaduais de Educação, a rede de Centros Binacionais Brasil-Estados Unidos, e também, as empresas FedEx, MSD, Microsoft, Bradesco, IBM e a Boeing Brasil.

O programa tem como alvo alunos brasileiros que são exemplos em suas comunidades, em termos de liderança, atitude positiva, trabalho voluntário, excelência acadêmica e conhecimento da língua inglesa. O programa visa fortalecer o ensino público por meio desses alunos, transformando-os em modelos para as suas comunidades.

O Jovens Embaixadores é bastante concorrido e recebe candidaturas de todo o Brasil. Os selecionados viajam em janeiro para um programa de três semanas nos Estados Unidos. Durante a primeira semana, conhecem a capital daquele país e seus principais monumentos, participam de reuniões com organizações do setor público e privado, visitam escolas e projetos sociais e participam de oficinas sobre liderança e empreendedorismo jovem.

Após a semana em Washington, os participantes são divididos em grupos menores e viajam para diferentes estados nos EUA, onde são recebidos por famílias-anfitriãs, frequentam aulas em escolas locais e interagem com estudantes americanos da mesma idade, participam de atividades de responsabilidade social e cultural nas comunidades e fazem apresentações sobre o Brasil.

A experiência de ser um Jovem Embaixador oferece a esses excepcionais estudantes a oportunidade de expandir os seus horizontes, ao mesmo tempo em que eles nos auxiliam no fortalecimento dos laços de amizade, respeito e colaboração entre o Brasil e os Estados Unidos.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas