Após protestos da torcida, jogadores da Raposa pedem desculpas por vexame

12
0
COMPARTILHE

Torcedores do Campinense foram nessa terça-feira (23) ao Centro de Treinamento do clube para protestar contra o vexame do clube, no último domingo (21), na estreia da série D contra o Atlético de Pernambuco. Comente no fim da matéria.

Leia mais notícias de Esportes no Portal Correio

Revoltados com o desempenho do time, os torcedores utilizaram faixas e cartazes para cobrar mais empenho dos jogadores . “Acesso é obrigação” e “Queremos respeito”. Essas foram algumas das palavras de ordem que vinham das arquibancadas do estádio Renatão.

Jogadores e dirigentes foram hostilizados pela torcida, que chegou a se reunir com o elenco logo após a realização do treino.

Após a conversa com representantes da torcida, os jogadores se reuniram e foram juntos à sala de imprensa fazer um pronunciamento já no início da noite. O porta-voz do encontro ocorrido nos vestiários foi o goleiro Glédson, que falhou no gol que decretou a derrota rubro negra para o time de Pernambuco.

“Fizemos questão de nos reunir e vir aqui porque foi muito divulgado que aqui existem panelinhas, mas não é verdade”, disse. Sem achar explicações para o ocorrido, o goleiro recorreu a uma justificativa utilizada na derrota brasileira por 7 a 1 para a Alemanha para o desfecho do jogo de estreia do Campinense na Série D. “Viemos lamentar a derrota do último domingo. Estamos envergonhados, tristes mesmo. Foi um apagão, uma falta de concentração, e aconteceu aquela derrota. O futebol é inexplicável por isso, às vezes as coisas acontecem e não se sabe o porquê”, arrematou.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas