Aprovado projeto que isenta taxa de personal trainer em academias da Paraíba

42
0
COMPARTILHE

Os deputados estaduais da Paraíba aprovaram nesta terça-feira (13), por unanimidade, o projeto 405/2015, de autoria da deputada Camila Toscano (PSDB), que garante aos profissionais de educação física que prestam seus serviços como personal trainer, acesso livre às academias para acompanhar seus clientes.

Leia mais notícias de Política no Portal Correio

“Essa lei, que é legal e constitucional, vai garantir a justiça aos profissionais de educação física. Esse projeto não só beneficia os personais, mais também toda população que hoje contrata os seus serviços. Essa votação unânime aconteceu por força dos profissionais que estiveram sempre aqui nesta Casa reivindicando seus direitos”, destacou Camila.

O projeto recebeu emendas dos deputados Bruno Cunha Lima (PSDB) e Estela Bezerra (PSB) com o objetivo de também resguardar os donos de academias que poderão, por meio de uma ficha de cadastro, permitir ou não a presença de determinado profissional. “Essas emendas servem para aperfeiçoar a nossa iniciativa. Como sempre disse aqui que aceitaria qualquer emenda que fortalecesse a matéria”, disse Camila.

A deputada autora do projeto destacou ainda a audiência pública realizada para discutir o assunto. “Os debates da audiência pública com a presença de muitos deputados foi fundamental para que todos entendessem essa relação de consumo dos alunos, personais e donos de academias. Eles puderam ver que a taxa cobrada não era justa”, afirmou.

Para uma das diretoras da Associação Paraibana de Personais Trainers, Cristiana Dantas, a iniciativa da deputada Camila Toscano em apresentar o projeto foi fundamental para que hoje os profissionais não sejam mais cobrados da taxa em todo o Estado. “Só temos a agradecer a deputada Camila e a todos os deputados que nos ouviram e votaram a favor da nossa reivindicação”, destacou.

 

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas