Ap?s pol?mica, Jo?o Bosco S?tiro apitar? Belo x Raposa, no Almeid

22
COMPARTILHE

O sorteio da arbitragem para a quarta rodada do quadrangular final do Campeonato Paraibano, realizado nesta segunda-feira (1º), na sede da Federação Paraibana de Futebol, indicou o árbitro João Bosco Sátiro para apitar a partida entre Botafogo-PB e Campinense, nesta quarta-feira (3), no estádio Almeidão, em João Pessoa, às 20h30.

Leia mais notícias de Esportes no Portal Correio

A escolha do árbitro se deu após a diretoria do Belo pedir árbitro FIFA para a partida diante do Campinense e ter o pedido indeferido pois não havia dado as garantias financeiras à Federação. Bosco terá as assistências de Kildenn Tadeu (CBF/Patos) e Felipe Messias (FPF/João Pessoa). Antônio Carlos Rocha (FPF/Bayeux) é o árbitro reserva.

Em março, após o empate em 1 a 1 com o Atlético de Cajazeiras, no Perpetão, com o time sertanejo marcando de pênalti no último minuto de jogo, a diretoria botafoguense reclamou bastante da arbitragem de João Bosco Sátiro.

Após o apito final, ainda no gramado do Perpetão, o presidente alvinegro Guilherme Novinho chamou o árbitro de “tendencioso”, enquanto o diretor de Futebol Zezinho do Botafogo o classificou como “covarde”, “safado” e “moleque”. Todos os xingamentos foram registrados em súmula por Bosco, que ameaçou até processar os dirigentes pelas declarações.

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas