Botafogo-PB vence o River-PI e conquista classificação inédita na Copa do Brasil

7
0
COMPARTILHE

O Botafogo-PB entrou em campo na noite desta quarta-feira (18) com a missão de brigar, com o River-PI, por uma classificação inédita à terceira fase da Copa do Brasil. Precisando apenas de um empate, o alvinegro de João Pessoa venceu o adversário por 1 a 0, com gol de Carlinhos, e fez história no estádio Almeidão, na Capital. O placar foi o mesmo da vitória conquistada em Teresina (PI) na semana anterior. O Belo vai embolsar R$ 660 mil pela classificação. Acesse o Voz da Torcida.

Leia mais notícias de Esportes no Portal Correio

O Botafogo-PB começou o jogo a todo vapor e, já aos 20 segundos, Carlinhos encontrou Muller na entrada da área. O camisa 9 dominou, bateu para o gol e Dalton defendeu em dois tempos.

Mesmo com a vantagem no confronto, o time pessoense seguia tentando marcar o primeiro gol do jogo. Uma nova oportunidade surgiu aos 13 minutos, quando Carlinhos cruzou da esquerda na cabeça de Nildo. A bola passou raspando a trave esquerda do Galo Carijó.

A resposta do River veio aos 16 minutos, quando Tote cruzou da direita e Eduardo apareceu livre na pequena área para cabecear, mas, como ele tentou apenas escorar para Vanderlei, a defesa botafoguense afastou o perigo.

Em mais uma bola alçada à área, o time de Teresina quase abriu o placar. Esquerdinha cruzou na cabeça de Eduardo que, dessa vez, mandou direto para o gol, mas a bola passou à esquerda da meta defendida por Michel Alves.

A melhor chance do primeiro tempo aconteceu aos 38 minutos. Jefferson Recife avançou rápido, tentou, do meio de campo, encobrir Dalton, mas não conseguiu. A bola sobrou para Ângelo, que aproveitou a lentidão do goleiro e tocou para Muller, na risca da pequena área. Ele tentou dominar, mas se atrapalhou e desperdiçou o lance para o Belo.

Antes do intervalo, aos 45 minutos, Ângelo avançou bem pela direita e foi até a linha de fundo para cruzar para Muller, que cabeceou entre os zagueiros. Sem força, a bola foi defendida facilmente pelo goleiro piauiense.

Assim como no primeiro tempo, a segunda etapa do Botafogo-PB começou cheia de gás. Ainda no primeiro minuto, Ângelo avançou em velocidade pela direita e cruzou para a área. O goleiro espalmou para a frente da área e, no rebote, João Paulo chutou de primeira, mas Dalton se recuperou e fez a defesa.

A resposta do River desta vez veio mais rápido. Aos cinco minutos, após cobrança de escanteio, Rafael Araújo desviou e a bola passou raspando a trave esquerda do Botafogo-PB.

Mas o gol saiu para o Belo. Aos sete minutos, Carlinhos recebeu na direita, invadiu a área e bateu cruzado, sem chances para Dalton, abrindo o placar no Almeidão.

Na empolgação, o Botafogo-PB quase marcou o segundo aos 14 minutos. Carlinhos puxou contra-ataque em velocidade pela esquerda, invadiu a área e cruzou para Muller, que chegou de carrinho e desviou a bola, que passou muito perto da trave direita do Galo Carijó.

O técnico Capitão, do River-PI, colocou o time para frente e implantou um esquema com três atacantes, mas quem seguiu criando chances foi o Botafogo-PB. Aos 27 minutos, Ângelo participou bem mais uma vez pela direita, driblou Jadson e chutou cruzado com muito perigo.

Jefferson Recife quase fez um golaço. O lateral esquerdo do Bota-PB avançou em velocidade pelo setor canhoto, passou por três marcadores e bateu cruzado, mas a bola passou ao lado da trave.

O placar de 1 a 0 garantiu o Botafogo-PB na terceira fase da Copa do Brasil. O adversário do Belo será o Ceará, que eliminou o Joinville. A primeira partida, ainda sem data marcada, será realizada no Almeidão.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas
páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no
Youtube. Você também
pode enviar informações à Redação
do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas