Campeão mundial de jiu-jitsu exibe na PB sistema de ensino internacional

11
0
COMPARTILHE

Detentor de seis títulos mundiais, quatro brasileiros, um Pan-americano e um Sul-americano de jiu-jitsu, Helder Medeiros está em João Pessoa, onde ministrará uma conferência com o intuito de melhorar a qualidade de ensino, profissionalizar o jiu-jitsu no estado, além de inaugurar a ONG Halavanca para utilizar o esporte como ferramenta de mudança de vida. O evento acontece a partir desta quinta-feira (21), na Capital.

Leia mais notícias de Esportes no Portal Correio

Conhecido no meio esportivo como Bob Esponja, Hélder Medeiros é o criador da equipe Halavanca Brazilian Jiu-jitsu, existente há cerca de dois anos, que conta com 21 filiais no Brasil, sendo 12 somente na Paraíba, quatro das quais de projetos sociais que beneficiam centenas de jovens carentes.

O atleta percebeu a necessidade da qualificação dos professores para a padronização do ensino de jiu-jitsu e, por isso, decidiu realizar o evento, que inclui um curso na quinta e sexta (21 e 22), na Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes, no Altiplano, na Zona Leste da Capital, às 9h, bem como um seminário e a graduação dos alunos no sábado (23), no ginásio da Prefeitura de João Pessoa, em Água Fria, na Zona Sul da cidade, às 14h. Ao final, no domingo (24), serão premiados os melhores do ano, entre professores, estudantes, academias e projetos sociais, no Palazzo Cristal Recepções, no bairro Aeroclube, às margens da rodovia BR-230, às 18h.

Hélder explicou que uma estrutura organizada e profissional é a chave para atingir os objetivos de sucesso de qualquer equipe. “A conferência Halavanca é um evento inovador no estado e pioneiro no Brasil. São vários eventos dentro de um só e será o pontapé inicial na busca de tornar a Paraíba uma referência no esporte”, frisou o professor.

Cerca de 300 atletas estão aptos a participar da graduação de jiu-jitsu que acontecerá no sábado. O evento é gratuito e aberto ao público que quiser assistir à cerimônia. A professora Anna Carolina, integrante da equipe Halavanca, ressaltou a importância de qualificar e padronizar o ensino do jiu-jitsu. “Os professores recebiam a faixa preta e começavam a ensinar de forma aleatória. Queremos mudar isso e oferecer uma metodologia de ensino que seja respeitada mundialmente e sirva de parâmetros para avaliação reciclagem e aperfeiçoamento”, comentou.

Hélder Medeiros reside atualmente em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes, onde é supervisor de um programa de ensino que atende escolas públicas e particulares, além de ser técnico da seleção juvenil dos Emirados. Naquele país, o ensino da modalidade faz parte do currículo escolar obrigatório.

O atleta teve formação no Jiu-jitsu através do lutador de MMA na categoria meio-médio do UFC, Demian Maia, o terceiro no ranking mundial nessa modalidade. Além disso, também foi aluno dos Mestres e fundadores da equipe CheckMat de jiu-jitsu, os irmãos Leonardo e Ricardo Vieira.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas
páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no
Youtube. Você também
pode enviar informações à Redação
do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas