campina-grande-tera-servico-de-saude-bucal-para-pessoas-com-deficiencia

Campina Grande terá serviço de saúde bucal para pessoas com deficiência

Serviço foi instalado no Hospital Municipal Pedro I, no bairro São José

30
0
COMPARTILHE

Novo serviço voltado para os cuidados em Saúde Bucal das pessoas com deficiência começou a funcionar nessa terça-feira (3), em Campina Grande. O serviço foi instalado no Hospital Municipal Pedro I. O prefeito Romero Rodrigues recebeu a Coordenadora Nacional de Saúde Bucal, Lívia Maria Almeida, para apresentar o espaço.

O Atendimento Odontológico em Ambiente Hospitalar a Pacientes com Necessidades Especiais é um serviço inédito na Paraíba. As pessoas com deficiência vão poder fazer procedimentos da média e alta complexidade, como cirurgias.

“O paciente vai ser atendido com sedação ou anestesia e com todos os cuidados especiais para tratar o problema de acordo com a patologia e a deficiência dos pacientes. O Ministério da Saúde exige apenas a criação do centro cirúrgico e o uso da anestesia geral, mas nós melhoramos o serviço e incorporamos também a sedação oral intravenosa para os casos mais simples. Também instalamos uma cadeira equipada e maca para repouso, que não eram obrigatórios, mas que colocamos para equipar mais o novo serviço”, explicou a Coordenadora da Rede Municipal de Saúde Bucal, Cassandra Duarte.

A Coordenadora Nacional de Saúde Bucal, Lívia Maria Almeida, aprovou a condução local do serviço, que é desenvolvido em parceria com o Ministério da Saúde. “Estamos aqui diante de um trabalho que pode se tornar uma referência para o país. Além de ser inédito no estado, a equipe local ainda melhorou os serviços ofertados. O prefeito está de parabéns por, mesmo em um período de crise, municipalizar um hospital e mantê-lo tão organizando e expandido seus atendimentos”, disse.

“Implantar esse serviço no ambiente hospitalar é fundamental para que essas pessoas tenham acompanhamento de outras especialidades médicas durante as operações, já que geralmente apresentam maiores complicações em função das deficiências”, disse o prefeito Romero Rodrigues.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas