Campina traz o espet?culo de teatro ‘Tempo Perdido’

14
COMPARTILHE

Termina nesta sexta-feira (26) a segunda edição da Campanha de Popularização do Teatro e da Dança com a última atração deste período, o espetáculo ‘Tempo Perdido’ do Grupo de Ballet da Universidade Estadual da Paraíba. A apresentação tem início às 20 horas e os ingressos estão à venda, no Teatro Severino Cabral, local onde será encenado o espetáculo, ao preço único de dez reais. A censura é 18 anos.

Leia mais notícias de Entretenimento no Portal Correio

Sobre ‘Tempo Perdido’, a direção do espetáculo explica que “a cada novo dia não temos mais o tempo que passou, perdemos um tempo buscando a nossa felicidade, porém ainda há tempo para sermos felizes, temos todo o tempo do mundo para encontrar um grande amor, pois ainda que eu falasse a língua dos anjos, sem amor eu nada seria”, disse Fredson Sousa.

Ele lembra que “o amor move o homem, seja ele como for, da forma que seja, o que importa é amar, amar sem medidas e sem medo. Não percamos tempo esperando ele chegar, corramos atrás, lutemos por esse amor. Quem nos dera, ao menos uma vez, compreender a beleza do amor e que ele fosse visto como mais importante e sem rótulos”.

Fredson fala que o espetáculo busca responder a perguntas como “Será que vamos ter que responder pelos nossos amores? Será que seremos julgados por amar demais?”, e completa, “Não busque as respostas, não perca tempo, ame… apenas ame”.

‘Tempo Perdido terá em seu primeiro ato o ballet “Dança Nordeste” que traz a junção da dança popular e o ballet clássico com uma linguagem contemporânea.

A ficha técnica é composta por coreografia de Jefferson Freitas, música de Renato Russo, e os bailarinos Aline Ferreira, Iego Silva e Maxwell Araújo. A luz é de Fredson de Sousa, o som de Jefferson Freitas e fotografia de Anthonny Souza.

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas