Chefe da CGU na Paraíba entrega cargo, em protesto contra ministro da Transparência

COMPARTILHE

Gabriel Aragão Wright, chefe da Controladoria Regional da União no Estado da Paraíba, anunciou que está entregando o cargo. Ele segue um movimento nacional dos escritórios da CGU nos estados, que não aceitam a extinção do órgão, que foi fundido agora no Ministério da Transparência, Fiscalização e Controle.

Leia mais sobre Política no Portal Correio

Nesta segunda (30), em Brasília, servidores da extinta Controladoria Geral da União realizam ato em que pedem a exoneração imediata do ministro da Transparência, Fiscalização e Controle (MTFC), Fabiano Silveira. No protesto, os servidores lavaram as escadas do prédio que abriga o órgão.

Eles pedem a saída o ministro, depois que foram reveladas conversas de Fabiano Silveira, onde ele critica a operação Lava Jato e dá conselhos a investigados, numa conversa com o presidente do Senado Federal, Renan Calheiros (PMDB), e o ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, novo delator do esquema  de corrupção que atuava na Petrobras.

LEIA TAMBÉM: Servidores pedem saída de ministro da Transparência; Silveira nega interferência

Gabriel Aragão assina um documento nacional, com os chefes da Controladoria Regional da União nos estados colocando os cargos à disposição.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas