CNT orienta empresas de ônibus a reduzir consumo de água nas garagens

6
0
COMPARTILHE

A Confederação Nacional do Transporte (CNT) divulgou nesta terça-feira (2) três trabalhos de orientação às empresas de transportes urbanos e rodoviários para economizarem a água da lavagem dos veículos. Segundo a entidade, a frota brasileira é composta de mais de 180 mil ônibus, e a cada lavagem de toda a frota são usados aproximadamente 63 milhões de litros de água.

Leia mais Notícias no Portal Correio

“Os sistemas de reúso já implantados nas empresas geram uma economia de 32 milhões de litros de água (50,6% do total gasto) a cada ciclo de lavagem de todos os ônibus. Essa economia corresponde ao consumo diário de uma cidade de aproximadamente 200 mil habitantes, considerando o gasto médio de 154 litros por habitante por dia”, informou a CNT, em nota.

De acordo com a confederação, a tecnologia atual de reúso permite o reaproveitamento de aproximadamente 80% da água utilizada na lavagem de ônibus urbanos e rodoviários. Pelos cálculos da CNT, se todas as empresas de transporte de passageiros adotarem o reúso, a economia de água poderá chegar a 51 milhões de litros a cada ciclo de lavagem de toda a frota.

A CNT destacou ainda que a economia atual (32 milhões de litros por ciclo de lavagem) já corresponde a 63,3% do total de economia que seria possível (51 milhões de litros) na lavagem de ônibus, se todas as empresas brasileiras implementassem sistemas de reúso.

A Sondagem CNT de Gestão Hídrica foi realizada entre 6 de dezembro de 2016 e 19 de janeiro de 2017 e mostrou que investir em reaproveitamento de água gera ganhos econômicos e ambientais. Então, a partir dos resultados obtidos, a confederação criou um manual técnico e um simulador para orientar as empresas a reduzir ainda mais o consumo de água nas garagens.

Para a CNT, a adoção de práticas de gestão dos recursos hídricos nas empresas de transporte reforça as ações do setor pela sustentabilidade. “O tema tem grande importância, especialmente neste momento, em que a escassez de água é um problema mundial e algumas cidades brasileiras já enfrentam o racionamento”, informou a entidade.

Os dados da sondagem, o simulador de reúso e o manual de gestão hídrica para as empresas estão disponíveis no site da CNT. Eles compõem as ações do Despoluir – Programa Ambiental do Transporte, desenvolvido pela CNT e pelos Serviço Social do Transporte e Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte há dez anos, e fazem parte do projeto Aprimoramento da Gestão Ambiental nas Empresas, Garagens e Terminais de Transporte.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas