Condutor cai de moto ap?s chute e internautas dizem que a??o foi da PM na Capital; v?deo

9
0
COMPARTILHE

Um vídeo que circula nas redes sociais desde a manhã desta terça-feira (21) mostra o que parece ser um policial militar dando um chute na lateral de uma moto e derrubando o condutor do veículo. A ação é atribuída por internautas à Polícia Militar da Paraíba e teria ocorrido na noite do domingo (19), na avenida Beira Rio, em João Pessoa. A PM não confirma. Assista ao vídeo abaixo.

Leia mais Notícias no Portal Correio

No vídeo, ao menos três pessoas que parecem policiais estão de um lado da avenida quando percebem a aproximação de um motociclista do outro lado da via.

É possível perceber que o suposto PM pede que o condutor sem capacete pare, mas, como a moto estava em alta velocidade, o condutor não parou e recebeu um chute, efetuado por um dos homens na lateral da moto. Nas imagens, ainda dá para perceber uma viatura parada no lado oposto ao de circulação da moto, mas não é possível dizer que se trata de um veículo da PM da Paraíba.

Com o impacto, o condutor perde o controle da moto, bate em um carro estacionado na calçada e cai no chão. O motociclista se levanta e, na sequência, o suposto policial pede que ele fique encostado na parede.

Posicionamento da PM

O assessor de comunicação da Polícia Militar em João Pessoa, major Cristóvão Lucas, disse que a PM não tem como se posicionar de forma oficial porque não há comprovação de que o vídeo tenha sido registrado em João Pessoa nem que as pessoas flagradas sejam policiais militares da Paraíba.

Apesar de questionado, ele não falou se a PM vai proceder com algum tipo de investigação ou sindicância para se certificar sobre as imagens.

Repercussão

Internautas utilizaram o Facebook e o WhatsApp para compartilhar o vídeo e atribuir o caso à PM da Paraíba.

Internautas atribuem vídeo a abordagem da PM em JP

Foto: Internautas atribuem vídeo à abordagem da PM em JP
Créditos: Reprodução/Facebook

Na página do jornalista Márcio Rangel, um internauta criticou a abordagem: “Temos de dar a opinião com o que temos nas mãos. Não adiantam ficar levantando hipóteses. ‘E se o cara matou, e se o cara assaltou, e se o cara estuprou. E se não faz parte da história’. O que temos para analisar a situação é um condutor sem capacete no sentido inverso onde a blitz acontecia. A blitz estava sem sinalização, sem cones. Existe um sinal para comando de parada obrigatório que tem de ser dado pelo policial e não simplesmente sair andando e entrar na frente do veículo e agindo literalmente como uma mula dando um coice. Se o condutor fosse um assassino, um assaltante, um estuprador, um político ladrão minha opinião seria outra”.

Já outro internauta escreveu: “De noite, sem camisa e em alta velocidade, ele está atrasado para missa”, ironizando e defendendo a suposta ação da PM.

Assista ao vídeo abaixo:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas