confusao-entre-cliente-e-motorista-de-uber-vai-parar-em-delegacia
Central de Polícia Civil em João Pessoa (Foto: Divulgação)

Confusão entre cliente e motorista de uber vai parar em delegacia

Mulher diz em áudio compartilhado no WhatsApp que saltou do carro dele em movimento ao perceber que corria o risco de ser atacada, em Intermares

4710
18
COMPARTILHE

Um motorista que presta serviços pelo aplicativo Uber registrou um boletim de ocorrência na Central de Flagrantes de João Pessoa, nessa quarta-feira (31), após uma cliente compartilhar no WhatsApp que saltou do carro dele em movimento ao perceber que corria o risco de ser atacada. A confusão entre cliente e motorista teria acontecido Intermares, Cabedelo, na região metropolitana na Capital.

De acordo com o relato da mulher, um homem estaria escondido no porta-malas do veículo. Ela conta que, ao perceber a presença do estranho, gritou: “Aí o motorista deu uma arrancada no carro, mas eu consegui pular do carro e entrar no meu prédio. Ele ainda voltou e disse que não tinha ninguém no porta-malas, dizendo para eu ir olhar. Provavelmente a pessoa na mala estava armada e iria me render”, diz a cliente, na mensagem.

A cliente também divulgou nome e foto do motorista. A imagem e o relato já circulam por diversos grupos no aplicativo de mensagens. O boletim de ocorrência registrado pelo motorista denuncia “constrangimento ilegal” e “difamação”. O documento diz que o motorista negou todas as acusações feitas pela cliente e afirma que o porteiro do prédio dela poderia ser sua testemunha. Ele ainda declarou que as câmeras de segurança do prédio também podem ser usadas para comprovar sua inocência.

Em outro áudio que circula no WhatsApp, um homem, não identificado até a publicação desta matéria, diz que era o filho do motorista quem estaria no porta-malas do carro. “Ele leva o menino para o trabalho porque não tem com quem deixar. Aí quando o menino sente sono, dorme no porta-malas. Ele [o motorista] me mostrou tudo, tem até lençol no porta-malas”, diz a gravação. No entanto, essa versão não foi apresentada pelo motorista no registro de ocorrência. De acordo com o que foi redigido pelo escrivão, o motorista disse apenas que “não havia nada de anormal no veículo”, sem explicar o que a mulher poderia ter visto.

Não se sabe se a Polícia Civil já ouviu a cliente em questão, nem quais serão os próximos passos da investigação. O Portal Correio entrou em contato com delegada que atendeu a ocorrência, Juvanira Holanda, mas ela não quis informar detalhes do caso, alegando que já havia encerrado seu plantão. Ela orientou que a reportagem procurasse a coordenação de plantão da Central de Flagrantes, mas o funcionário que atendeu a redação disse que “os dados da ocorrência não estavam disponíveis, uma vez que a delegada já tinha ido embora”.

 

COMENTÁRIOS

    • De fato devemos tomar muito cuidado com o que divulgamos e repassamos pras pessoas sem constatar a veracidade dos fatos, o motorista neste caso foi lesado em dois momentos, pois o mesmo não trabalha com o filho dentro do veiculo, tão pouco não deixou de esclarecer que o foi visualizado na mala do mesmo não passa de um tanque de gás veicular utilizado como combustível alternativo pelo mesmo. Não existem marginais se cadastrando na UBER até mesmo porque é realizada uma analise individual de cada solicitação cadastral e nem todos que se cadastram conseguem ser motoristas da UBER. O fato é que a falta de informação somada as expeculações de disse me disse geram medo e constrangimento nas pessoas. Com ose já não bastasse a violência urbana.
      Eu acredito ser mais fácil um motorista da UBER ser vitima de algum passageiro do que o contrário.

  1. Acho um erro tudo jogar na internet. Tem q se apurar pra ver veracidade. Agora a suposta vitima pode responder por calunia e difamacao. E e bem feito. Deveria procurar meios legais para resolucao.

  2. Há mais de um ano, utilizo diariamente os serviços do aplicativo UBER. Nunca tive nenhum problema. Os fatos devem ser apurados e esclarecidos à população.

  3. Eu acho que pelo fato do mundo ta tao violento a moça se equivocou ao ver o cilindro e saiu gritando! Ela errou por que se achou que ia ser assaltada ou sequestrada deveria ter prestado um BO ao inves de divulgar a foto do motorista por aí contando a versão dela!

  4. Existem bandidos cadastrados no Uber sim. Nós já prendemos mais de um traficante de drogas que fazia UBER! Deve-se ter cuidado mesmo, porém não é necessário parar de usar. Sempre envie a corrida para que alguem monitore. Print da rota e do perfil.

  5. Na verdade todos nós sabemos que o sistema ou seja o APP deixa muita brecha para que pessoas má intencionadas possam ter acesso tanto passageiros quanto motoristas,não podemos generalizar existem pessoas trabalhando para o APP que são pessoas de caráter e precisam do trabalho,mas sabemos que também existe muita gente de índole duvidosa sendo favorecido pela Uber que usam da facilidade de entrar no aplicativo para praticar muitas coisas.

  6. Fato: uma pequena parcela do público do uber veio do taxi
    fato: A maioria do publico do uber não é do taxi.
    UBER só existe por causa do serviço ruim dos taxis –> fato mais do que fato..

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas