Décimo terceiro deve ser usado para dívidas ou despesas em janeiro, orienta Procon

9
0
COMPARTILHE

O 13º salário, que recebido pelos trabalhadores até dezembro, deve ser utilizado com cautela e, especialmente, para o pagamento de dívidas ou poupado para aliviar o impacto das despesas que costumam pressionar o orçamento familiar no início do ano, como material escolar, Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) e Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores Terrestres (IPVA). A orientação é do Procon-JP.


Leia mais Notícias no Portal Correio

De acordo com o Procon-JP, a prioridade para o décimo terceiro deve ser a quitação de dívidas, principalmente o cartão de crédito rotativo e o cheque especial.

Além disso, segundo o secretário adjunto do Procon-JP, Ricardo Holanda, os consumidores que não possuam dívidas atuais podem usar parte do 13º salário na compra de presentes de fim de ano, desde façam a opção pela aquisição à vista.

“Recomendamos que os consumidores utilizem parte para compra de presentes e prefira o pagamento à vista ou para o vencimento, mas se planeje para poupar e aplicar parte do dinheiro para pagamento de despesas comuns no começo do ano, como material e matrícula escolar, IPTU e IPVA. Ressaltamos ainda que não pode haver diferença de preço para compras à vista e para o vencimento”, contou o secretário adjunto.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas