DEM e PSB se unem em Cabedelo; Efraim anuncia apoio de Ricardo a pré-candidato a prefeito

33
COMPARTILHE

As posições do governador e do PSB da Paraíba, contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT), classificando os seus defensores de “golpistas”, não devem atrapalhar as alianças municipais. Nesta sexta-feira (10), um exemplo prático disso: Democratas, que apoiou o afastamento de Dilma, e PSB devem formalizar a aliança em Cabedelo, para disputa pela prefeitura do município.

Leia mais notícias de Política no Portal Correio

O governador Ricardo Coutinho (PSB) cumpre agenda na cidade portuária de
Cabedelo, na região metropolitana de João Pessoa, nesta sexta-feira
(10). Segundo informações preliminares, deve ser oficializado pelo
próprio Ricardo o apoio à pré-candidatura de Fernando Sobrinho (DEM) a
prefeito daquele município. O pré-candidato é aliado do deputado federal
Efraim Filho (DEM).

Fernando Sobrinho atualmente é vereador na cidade de Cabedelo e assumiu a presidência do Democratas na cidade.

Consultado o ex-senador e presidente estadual do Democratas, Efraim Morais, afirmou que o reforço do apoio de Ricardo consolida a posição da legenda em Cabedelo. “A candidatura do Democratas é legítima e consolida uma parceria que deu certo desde 2010. PSB e DEM juntos trarão um novo jeito de governar para Cabedelo. Já esperávamos esse apoio, mas, não podíamos intervir. Agora, o maior líder do PSB no estado, o governador Ricardo Coutinho, confirmou o apoio a esse projeto”, disse.

Fernando Sobrinho acredita que o apoio de Ricardo impulsionará sua pré-candidatura. “Estou muito feliz com o apoio, isso demonstra que estamos no rumo certo, buscando renovar Cabedelo e essa união trará uma nova chance a nossa cidade, promovendo o desenvolvimento econômico”, afirmou.

O evento acontecerá nesta sexta no salão de recepções Gamboa , ao lado da Policlínica às 10h.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no
Youtube. Você
também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo
WhatsApp (83) 9 9130-5078.

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas