Em 4 dias, chuvas na Capital ultrapassam m?dia hist?rica e dificultam tr?fego nas ruas

11
0
COMPARTILHE

Chove forte em vários pontos da capital paraibana desde as primeiras horas desta segunda-feira (29). De acordo com a Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa), 306 milímetros de chuvas atingiram a Capital neste mês, o que representa acréscimo de 2% na média histórica para o período. Na quinta-feira (25), já havia chovido em João Pessoa um terço do esperado para junho. 

Leia mais Notícias no Portal Correio 

Os bairros pessoenses que mais registraram precipitações pluviométricas foram Tambauzinho, com 77 mm; Manaíra (55); Altiplano (51); Centro (50); Cristo Redentor (36); Grotão (27); e Mangabeira, com 20,5 mm.

Em pelo menos quatro pontos da cidade, ruas ficaram alagadas, o que deixou o trânsito lento. Os transtornos foram registrados na Principal dos Bancários, em trecho próximo ao Centro de Práticas Integrativas Equílibrio do Ser; nas Avenidas Rui Barbosa, Juarez Távora e João Bernardo de Albuquerque, na Torre; e no Varadouro, próximo a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU).

Depois das 9h, todos os locais tiveram redução na quantidade de água acumulada e os alagamentos deixaram de dificultar o tráfego de veículos, de acordo com a Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob). A Defesa Civil informou que nenhuma ocorrência de destaque foi registrada.

Pelo Twitter, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) pediu para que motoristas redobrassem a atenção ao trafegar pelas BRs do estado. A redução da velocidade também é aconselhada pelos agentes.   

Principal dos Bancários ficou alagada, o que dificultou o trânsito

Foto: Principal dos Bancários ficou alagada, o que dificultou o trânsito
Créditos: Reprodução

Previsão

De acordo com a meteorologista Marle Bandeira, a previsão é que as chuvas continuem durante o mês de julho. “A média histórica para o mês de julho é de 60 mm abaixo do mês de junho, que é de 300 mm. As chuvas, conforme prevíamos, irão continuar irregulares, com precipitações alternadas. Mesmo assim, a previsão é que, assim como em junho, a média seja alcançada”, pontuou. 

Até esta terça-feira, o tempo deve continuar instável e com chuvas nas regiões do Litoral, Agreste e Brejo. Para a região do Cariri-Curimataú, a previsão é de chuvas esparsas com nebulosidade variável. No Alto Sertão e Sertão, a Aesa prevê nebulosidade variável.

Temperaturas

A temperatura máxima na faixa litorânea deverá chegar aos 29º C e a mínima, aos 22º C. Na região do Agreste, a máxima deverá ficar em torno dos 27º C e a mínima, perto dos 19º C. Já para o Brejo, a previsão é que a máxima atinja os 25º C e a mínima, os 18º C. Para a região do Cariri-Curimataú, a máxima deverá chegar aos 31º C e a mínima, aos 17º C. No Alto Sertão, a máxima deverá alcançar os 33º C e a mínima, os 20º C. Já para o Sertão, a previsão é que a máxima registrada fique em torno dos 34º C e a mínima, em torno dos 20º C.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas