Em greve, professores da UFPB fazem protesto no Centro de JP nesta sexta

0
COMPARTILHE

Os professores grevistas da Universidade Federal da Paraíba fazem, a partir das 9h desta sexta-feira (31), um protesto no Parque Solon de Lucena, no Centro de João Pessoa, para fazer reivindicações do movimento, que já se estende por dois meses. O evento foi divulgado pelo professor de Economia Política, do Departamento de Serviço Social da UFPB, Marcelo Sitcovsky, coordenador do comando de greve, em entrevista concedida no programa 27 Segundos, da RCTV (emissora por assinatura do Sistema Correio de Comunicação).

Leia também: UFCG rejeita propostas do governo federal e decide manter greve na Paraíba 

De acordo com o professor, a manifestação, que ocorrerá na Lagoa até as 11h, seguirá para a Praça João Pessoa e será acompanhada por estudantes e por docentes da UFCG, UEPB e do IFPB. “Queremos mostrar a importância do ensino público nos mais variados níveis e a situação que nos encontramos”, evidenciou Marcelo.

Leia mais Notícias no Portal Correio

“As universidades públicas enfrentam crise e o quadro reflete na UFPB. Os cortes que o governo fez no orçamento vêm inviabilizando o funcionamento de universidades”, disse o entrevistado, acrescentando que o lema “Pátria educadora” não está se efetivando com esses contingenciamentos.

“Nossa pauta vai desde o reajuste salarial à retirada de projetos de Lei que retiram direitos”, explicou o professor. Em uma das principais solicitações, a categoria pede o estabelecimento de data base para 1º de maio de 2016. “Estamos na expectativa de que os Ministérios da Educação e do Planejamento atendam às reivindicações”, afirmou Sitcovsky ao jornalista Hermes de Luna, acrescentando que os professores, em assembleia, acataram a sugestão de reduzir de 27% para 19% o reajuste, em um sinal de que estariam dispostos a dialogar com o governo federal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas