Atacante do Belo fica na bronca com a arbitragem

Rafael Oliveira criticou a arbitragem da partida, que mais uma vez anulou um gol seu

Futebol | Em 12/07/17 às 17h51, atualizado em 12/07/17 às 17h58 | Por Allan Hebert
Nalva Figueiredo do Jornal Correio da Paraíba
Rafael Oliveira, atacante do Botafogo-PB

A derrota para o Sampaio Corrêa-MA, na última rodada, ainda ecoa na Maravilha do Contorno. Em entrevista coletiva na manhã desta quarta-feira (12), o atacante Rafael Oliveira criticou a arbitragem da partida, que mais uma vez anulou um gol seu, que ao seu modo de ver foi legal.

Leia mais notícias de Esportes no Portal Correio

Esta não foi a primeira vez que o artilheiro do Belo na temporada, com 20 bolas na rede, teve um gol seu anulado. Logo na primeira rodada, no duelo contra o Cuiabá-MT, que é o adversário do próximo domingo, Rafael também passou por isso. Naquela oportunidade, o tento poderia ter dado a vitória ao Botafogo, já que a partida terminou 0 a 0. Nas duas ocasiões, o jogador aparentemente estava em posição legal.

"Contra a gente eles não anulam, mas quando é a favor da gente anulam. Quando é contra a gente eles estão deixando passar. Sobre isso eu não tenho nada a falar, porque se a gente for falar com a arbitragem recebe logo cartão. Mas o juízes são muito ruins, ruins demais. Esse ano peguei cada árbitro que nunca vi apitar um campeonato. Eles são ruins demais", declarou.

De volta

A grande novidade na reapresentação do Belo, foi a presença do atacante Dico em campo. Recuperado de um edema na coxa esquerda, o atacante participou do treinamento realizado no Estádio Almeidão, e não deve ser problema para encarar o Cuiabá, domingo, às 19h, na Arena Pantanal.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

Atenção

Fechar