Exposi??o ‘Primeiras Impress?es’ ? aberta na Esta??o Cabo Branco, na Capital

0
COMPARTILHE

“Que haja transformação, e que comece comigo”. Foi pensando nisso que o fotógrafo Ricardo Peixoto concebeu a exposição fotográfica ‘Primeiras Impressões’ que será aberta oficialmente nesta quarta-feira (29), às 18h14, galeria da Estação das Artes Luciano Agra, prédio ao lado da Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes, no Altiplano, em João Pessoa.

Leia mais notícias de Entretenimento no Portal Correio

A entrada é aberta ao público de todas as idades. A exposição ainda não tem previsão de data para encerramento. O horário de visitação é de terça à sexta-feira das 9h às 21h. Sábados, domingos e feriados das 10h às 21h. ‘Primeiras Impressões’ está inserida na programação de aniversário da Estação Cabo Branco, que no dia 3 de julho completou set anos de atividades artística, culturais e educativas gratuitas para a população.

No mesmo dia, o fotógrafo Ricardo Peixoto estará lançando a revista que leva o mesmo nome da exposição (Primeiras Impressões), que segundo ele, concretiza a exposição e se torna um documento de acervo que fica como fonte de referência para estudos e pesquisas.

Na exposição o visitante irá encontrar painéis impressos, montados no suporte de lona nos tamanhos de 1 x 1 metro (20) e 2 x 3 m (7) com textos e frases que relatam os trabalhos produzidos pelos alunos do Laboratório que integra o Programa Minha Casa, Minha Vida, do governo federal, por meio do Ministério das Cidades, Estado da Paraíba, Companhia de Habitação Popular (Cehap); Caixa Econômica Federal em parceria com a Associação dos Mecânicos Profissionais de Veículos Automotores do Município de Mamanguape e da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio da Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes.

Primeiras Impressões é fruto do Projeto de Trabalho Técnico Social realizado no Residencial Nossa Senhora da Penha I, localizado no município de Mamanguape, micro região do Litoral Norte do Estado da Paraíba. O projeto foi planejado em um ano e executado em três meses na cidade de Mamanguape, entre os meses de janeiro a março de 2015 e contou com a participação de 14 moradores da comunidade entre crianças, jovens e adultos. A oficina fotográfica foi ministrada pelo arte-educador Alexandre Gadelha, com curadoria do fotógrafo Ricardo Peixoto, da Ensaio Brasil Produções Ltda.

Mais informações podem ser obtidas pelos telefones 3214.8303 ou 3214.8270.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas