Foragido há 19 anos, acusado de matar esposa e abandonar nove filhos na PB vai a julgamento

17
0
COMPARTILHE

Vai ser julgado no dia 30 deste mês o vendedor de sorvetes, que ficou foragido por 19 anos, acusado de assassinar a esposa e abandonar nove filhos. O crime aconteceu em abril de 1996, em uma casa da Zona Rural de São José de Piranhas, município do Sertão paraibano, a 477 quilômetros de João Pessoa. Comente no fim da matéria.


Leia mais Notícias no Portal Correio

Segundo o Ministério Público da Paraíba (MPPB), acusado e vítima mantinham um relacionamento, mas se separaram pouco antes do homem ir morar em São Paulo. Cerca de um ano depois, o acusado retornou para São José de Piranhas, onde cometeu o assassinato.

No dia do crime, a vítima estava na casa de uma amiga quando o acusado chegou sem falar nada e a matou com seis golpes de faca, fugindo em seguida e abandonando os nove filhos do casal. O crime teria sido cometido após a mulher se negar a reatar o relacionamento.

Ainda segundo o MPPB, após fugir, o acusado foi morar em Rosário Oeste, município de Mato Grosso, onde casou novamente e começou a trabalhar como vendedor de sorvetes. Porém, ele foi preso em 2016.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas