Frente de Oposi?

8
0
COMPARTILHE

Em céu de brigadeiro nesses dois anos e meio, o prefeito Luciano Cartaxo passará a conviver nos próximos dias com outra realidade política. Partidos de oposição se mexem nos bastidores para formação, desde já, de uma ampla frente de legendas com um objetivo comum: fazer contraponto à atual gestão.

O que, convenhamos, não existe, organizadamente, até aqui. A oposição declarada e ostensiva em João Pessoa hoje se resume ao pouco barulho e reclames isolados de três resistentes vereadores na Câmara Municipal (Raoni Mendes, Lucas de Brito e Renato Martins).

Artífice da movimentação, o deputado federal Wilson Filho vem discretamente contactando lideranças políticas, presidentes de partidos e pretensos candidatos a prefeito, como é o caso dele próprio. Articulação que tem encontrado receptividade e ambiente propício para sua deflagração.

De cara, pelo menos quatro partidos de grande e médio porte se interessam em apressar o bloco na rua. No PMDB, sigla cuja relação com o PT da Capital nunca foi das melhores, o deputado Manoel Júnior começou a fazer o dever de casa e conquistar maioria interna pela tese de candidatura própria.

O PSDB ensaia também interesse em lançar postulação afinada com a oposição, embora vereadores de sua bancada na Capital estejam engajados até o pescoço com a gestão de Cartaxo. O presidente estadual tucano, Ruy Carneiro, diz que respeita, mas cobrará posição quando uma decisão colegiada for tomada. O DEM já avisou: não vota no PT, nem se houver aliança com o governador Ricardo Coutinho.

Um fato novo apressa essas legendas. O PSB – em tese aliado do PT – já faz críticas abertas ao governo petista na Capital, numa inequívoca sinalização de planejamento a conta gotas de lançamento de candidatura com a estrutura do governo e o histórico de penetração na cidade. Os partidos de oposição não vão esperar pelo rompimento e ascensão do PSB. Querem marcar posição e delimitar território. E logo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas