Funjope inscreve para dois editais que, somados, chegam a R$ 5 milhões

8
0
COMPARTILHE

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) está com inscrições abertas para dois editais: o Prêmio Walfredo Rodrigues de Audiovisual e o Fundo Municipal de Cultura (FMC). Somadas, as duas iniciativas chegam a R$ 5 milhões para o patrocínio de projetos na área de arte e cultura.

Leia mais notícias de Entretenimento no Portal Correio

“Com muito esforço, conseguimos manter os mesmos valores dos editais passados. Me refiro a apoios como o da Ancine (Agência Nacional do Cinema), por exemplo, que forneceu parte dos recursos para o Prêmio Walfredo Rodrigues. E graças a isso, João Pessoa hoje é uma das capitais do País onde se mais investe no audiovisual”, comemora o diretor executivo da Funjope, Maurício Burity, que arremata: “Isso faz parte da atenção que esta gestão tem dado à classe artística e cultural, mesmo em tempos de crise como esses”.

O Prêmio Walfredo Rodriguez 2016/2017 dispõe de R$ 3,6 milhões para a realização de 14 produções na área de cinema e vídeo. Desse total, R$ 2,4 milhões saem da Ancine, e R$ 1,2 milhão, da PMJP.

Um levantamento na própria Ancine revela que essa soma coloca João Pessoa acima de cidades como Belo Horizonte (que destinou R$ 1,1 milhão no último edital), Porto Alegre (R$ 1 milhão), Maceió (R$ 900 mil) e Natal (R$ 300 mil), no fomento ao audiovisual. Assim como a Capital paraibana, essas cidades têm editais específicos para o audiovisual.

Para o Walfredo Rodriguez, podem se inscrever projetos em longa-metragem, telefilme e curta-metragem nas modalidades ficção, documentário ou animação.

As obras têm que ser completamente inéditas, ou seja, até a assinatura do contrato, ela ainda não pode estar em fase de pré-produção, produção ou finalização, não pode ter sido contemplada em nenhum outro edital público e não ter sido exibida em qualquer meio de difusão, seja rádio, TV, cinema, internet e/ou eventos públicos audiovisuais.

Serão selecionados projetos para três longas, que irão receber, cada, R$ 800 mil; um projeto para telefilme (R$ 350 mil) e dez para curtas, sendo que sete terão um aporte de R$ 100 mil e três, R$ 50 mil (voltados a realizadores iniciantes).

Fundo Municipal de Cultura – Já o FMC conta com um aporte de R$ 1,5 milhão (o mesmo valor do edital passado) para projetos na área de música, dança, cultura popular, artes visuais, circo e artes integradas.

As inscrições para foram prorrogadas até o dia 20 de janeiro de 2017. O prazo final estava agendado para esta segunda-feira (19), mas a Comissão Deliberativa do FMC decidiu dar mais tempo para os proponentes se inscreverem.

Disposta pela Lei 9.506/01 e regulamentada pelo decreto 4.469, o edital é aberto a pessoas físicas ou jurídicas, com ou sem fins lucrativos, desde que tenham domicílio em João pessoa e atuem na área cultural. Cada proponente só poderá inscrever apenas um projeto.

Inscrições – As inscrições para ambos os editais podem ser feitas no setor de Protocolo Geral da Funjope, localizado na Av. Duque de Caxias, 352, no Centro de João Pessoa, presencialmente, de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h, ou através dos Correios, via AR ou Sedex, valendo a data da postagem limite de cada edital (20/1 no caso do FMC; e 10/2, Walfredo Rodriguez).

As regras podem ser conferias no edital, disponível na página da Funjope no endereço www.joaopessoa.pb.gov.br. Lá também é possível baixar as fichas de inscrição, que devem ser preenchidas e entregues à Funjope. As inscrições são gratuitas.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas