Garota é achada morta após publicar carta com “Senhor Noel, por favor me mata”, na PB

105
0
COMPARTILHE

A estudante Letícia Pereira da Luz, de 14 anos, foi encontrada morta na noite dessa terça-feira (7), dentro de um quarto da casa onde morava com a família, na cidade de Nova Olinda, na região do Vale do Piancó, a 433 km de João Pessoa. A morte aconteceu dois dias depois da garota compartilhar uma foto em uma rede social com a frase: “Senhor Noel, eu nunca te pedi nada de Natal, mas neste natal, por favor me mata, obrigado” (sic). Veja abaixo.

Leia mais Notícias do Portal Correio

De acordo com o major Antônio Guedes, comandante do 13º Batalhão da PM, os pais da garota informaram que tinham saído para a escola e quando o pai retornou para casa, encontrou a filha morta dentro do quarto e um revólver calibre 38 ao lado do corpo.

“Ele ficou desesperado quando viu a cena e ainda tentou se matar, mas o contivemos para não acontecer mais uma tragédia. O local foi isolado para a chegada da Polícia Civil”, explicou o major.

Ainda segundo major, duas cápsulas foram encontradas deflagradas ao lado do corpo e os vizinhos informaram que ouviram dois tiros. O major disse que a arma seria ilegal já que o pai da garota era o proprietário e não possuía autorização para usá-la.

O delegado Glauber Fontes, chefe da Polícia Civil no Vale do Piancó, disse que a polícia requisitou exames para confirmar se o crime foi um homicídio ou suicídio. “Não podemos descartar nada ainda. Vamos esperar os resultados dos exames para ter um diagnóstico preciso sobre homicídio ou suicídio. O caso é investigado”, falou.

Imagem postada no facebook

O corpo foi levado para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Patos onde passou por perícia e foi liberado para velório e sepultamento.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas