Gasolina vai de R$ 2,99 a R$ 3,26 em Jo?o Pessoa; veja onde abastecer mais barato

22
COMPARTILHE

Cinquenta e nove postos de combustíveis de João Pessoa aumentaram o preço cobrado pelo litro da gasolina, que teve um aumento de até R$ 0,51, com variação de até 9%. A afirmação é de uma pesquisa realizada pelo Procon-JP na terça-feira (30), que mostra o maior preço cobrado pelo litro da gasolina sendo de R$ 3,26 e o menor de R$ 2,99. Confira aqui a pesquisa completa.

Leia mais Notícias no Portal Correio

A pesquisa, realizada em 117 postos da Capital, também realizou uma comparação com os números obtidos na última edição do levantamento, que havia sido feito em março deste ano.

Na época, segundo o Procon-JP, o menor valor era de R$ 2,94, mas atualmente o menor valor encontrado pelo litro da gasolina é de R$ 2,99, no Posto Millenium, no bairro de Água Fria, Zona Sul da Capital, já o maior preço, R$ 3,26, é praticado no Posto Pichilau, no bairro do Cristo, Zona Oeste de João Pessoa, alcançando uma variação superior a 9%.

Com relação à gasolina aditivada, o menor valor foi encontrado no Posto Dias Neto, BA Avenida Duarte da Silveira, no Centro, a R$ 3,05, e o maior no Posto Villagio, no bairro dos Bancários, na Zona Sul de João Pessoa, a R$ 3,39.

Além do aumento praticado em 59 postos, outros 32 baixaram os preços e 16 mantiveram a mesma cobrança pelo litro da gasolina.

Preço do Álcool e do diesel

A pesquisa também avaliou as variações no preço do etanol (álcool) e do óleo diesel. O etanol vem sendo vendido entre R$ 2,27 a R$ 2,61, com variação de 14,9%. Já o diesel é vendido entre R$ 2,55 e R$ 2,89, alcançando uma variação de 13,7%.

Já o preço do gás natural vem sendo praticado entre R$1,96 e R$ 2,09, nos postos em João Pessoa.

Segundo o secretário do Procon-JP, Helton Renê, a pesquisa mostra a oscilação nos preços dos combustíveis e permite a melhor escolha para os pessoenses na hora de abastecer seu veículo

“Nossa pesquisa cobre toda a Capital porque distribuímos os postos por zona. O consumidor deve ficar atento para os preços praticados nos postos de seu bairro ou naqueles que se encontram em seu percurso diário”, disse Helton Renê.

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas