Guitarrista é preso na PB suspeito de vender na internet produtos que não existiam

8
0
COMPARTILHE

Um músico de 33 anos foi preso nesta sexta-feira (29), na casa onde mora, em Cabedelo, na Grande João Pessoa, suspeito de participar de golpes com sites falsos e vendas de produtos inexistentes na internet. Segundo a polícia, ele trabalhava junto com outro suspeito preso no começo desta semana.


Leia mais Notícias no Portal Correio

De acordo com o delegado de Defraudações Lucas Sá, o guitarrista e o outro suspeito preso no começo da semana seriam membros de uma organização criminosa de atuação nacional, especializada em criar sites falsos para vender produtos que não existem e obter dinheiro de vítimas. O delegado estima que, em mais de um ano, pelo menos 181 pessoas tenham sofrido golpes desse tipo e os crimes teriam causado prejuízo maior que R$ 400 mil.

Sá adiantou que os presos serão indiciados por crimes de falsidade ideológica, estelionato e organização criminosa; somadas, as penas podem chegar a 18 anos de reclusão, além do bloqueio e sequestro dos bens para que as vítimas possam ser ressarcidas.

A Delegacia de Defraudações de João Pessoa orienta que quem se sentir prejudicado por golpes na internet, deve ligar para o 197 ou procurar uma delegacia para registrar a ocorrência e colaborar com a polícia para desfazer ações criminosas desse tipo.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas