JP e mais duas cidades do Brasil se integram ao ‘Cidades Criativas’ da Unesco

66
0
COMPARTILHE

João Pessoa, por meio do projeto Sereias da Penha, foi designada como cidade criativa da Unesco, no quesito de Artesanato e Arte Folclórica, se integrando a outras 63 cidades de 44 países. Essas cidades juntam-se a uma rede na linha de frente dos esforços da Unesco para promover a inovação e a criatividade como motores essenciais para um desenvolvimento urbano mais sustentável e inclusivo. Essa rede atrai o crescente interesse das autoridades locais e no Brasil, apenas Brasília-DF e Paraty-RJ também estão incluídas.

Leia mais notícias no Portal Correio

A capital paraibana foi reconhecida por sua riqueza cultural, expressas através de sua arte popular e de seu artesanato, dos ativos existentes no município e por sua visão de futuro apresentada em um plano de trabalho inovador. Dentre as ações previstas para o próximo ano está a criação de um Laboratório de Inovação e design para o artesanato e a realização de uma Feira Internacional de Artesanato com a participação de artesãos e artistas convidados de outras cidades da Rede.

No próximo encontro anual das cidades criativas, em julho de 2018, na Cracóvia / Polônia, João Pessoa será apresentada juntamente com as demais 63 cidades do mundo escolhidas pela Unesco.

Desde 2004, a Rede de Cidades Criativas da Unesco destaca a criatividade de seus membros em sete áreas: Artesanato e Arte Popular, Design, Filme, Gastronomia, Literatura, Artes da Mídia e Música. Atualmente conta com um total de 180 cidades em 72 países.

Embora diferenciem geograficamente, demograficamente ou economicamente, todas as cidades criativas se comprometem a desenvolver e trocar boas práticas inovadoras para promover indústrias criativas, fortalecer a participação na vida cultural e integrar a cultura em políticas de desenvolvimento urbano sustentável.

A primeira-dama de João Pessoa, coordenadora do Projeto João Pessoa Artesã e idealizadora do ‘Sereias da Penha’, Maísa Cartaxo, afirmou que os olhos do mundo se voltam para João Pessoa com mais este reconhecimento. “Fico muito emocionada com este título porque através do JPA temos trabalhado muito pelo fortalecimento e pela identidade do artesanato da cidade. João Pessoa agora fica na rota internacional do artesanato e arte popular, reconhecida por um órgão importantíssimo, como é a Unesco, e chegamos a um novo patamar. É o início de um caminhar, mas mostra-se que é o caminho certo”, declarou.

As novas 64 cidades criativas da Unesco são:

• Alba (Itália) – Gastronomia
• Almaty (Cazaquistão) – Música
• Amarante (Portugal) – Música
• Auckland (Nova Zelândia) – Música
• Baguio City (Filipinas) – Artesanato e arte popular
• Barcelos (Portugal) – artesanato e arte popular
• Braga (Portugal) – Media Arts
• Brasília (Brasil) – Design
• Bristol (Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte) – Filme
• Brno (Czechia) – Música
• Bucheon (República da Coreia) – Literatura
• Buenaventura (Colômbia) – Gastronomia
• Cairo (Egito) – Artesanato e arte popular
• Cidade do Cabo (África do Sul) – Design
• Carrara (Itália) – Artesanato e arte popular
• Changsha (China) – Artes da mídia
• Chennai (Índia) – Música
• Chiang Mai (Tailândia) – artesanato e arte popular
• Chordeleg (Equador) – artesanato e arte popular
• Cochabamba (Bolívia [Estado Plurinacional de]) – Gastronomia
• Cidade metropolitana de Daegu (República da Coréia) – Música
• Dubai (Emirados Árabes Unidos) – Design
• Durban (África do Sul) – Literatura
• Frutillar (Chile) – Música
• Gabrovo (Bulgária) – Artesanato e arte popular
• [Cidade de] Greater Geelong (Austrália) – Design
• Guadalajara (México) – Media Arts
• Município metropolitano de Hatay (Turquia) – Gastronomia
• Istambul (Turquia) – Design
• João Pessoa (Brasil) – Artesanato e Arte Folclórica
• Kansas City (Estados Unidos da América) – Música
• Kolding (Dinamarca) – Design
• Kortrijk (Bélgica) – Design
• Košice (Eslováquia) – Media Arts
• Kütahya (Turquia) – artesanato e arte popular
• Lillehammer (Noruega) – Literatura
• Limoges (França) – artesanato e arte popular
• Lódz (Polónia) – Filme
• Região Administrativa Especial de Macau, China (Membro Associado, UNESCO) – Gastronomia
• Madaba (Jordânia) – artesanato e arte popular
• Manchester (Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte) – Literatura
• Cidade do México (México) – Design
• Milão (Itália) – Literatura
• Morelia (México) – Música
• Norrköping (Suécia) – Música
• Ouagadougou (Burkina Faso) – artesanato e arte popular
• Cidade do Panamá (Panamá) – Gastronomia
• Paraty (Brasil) – Gastronomia
• Pesaro (Itália) – Música
• Porto-Novo (Benin) – artesanato e arte popular
• Praia (Cabo Verde) – Música
• Qingdao (China) – Filme
• Cidade de Québec (Canadá) – Literatura
• San Antonio (Estados Unidos da América) – Gastronomia
• Seattle (Estados Unidos da América) – Literatura
• Sheki (Azerbaijão) – artesanato e arte popular
• Sokodé (Togo) – Artesanato e arte popular
• Terrassa (Espanha) – Filme
• Tétouan (Marrocos) – Artesanato e arte popular
• Toronto (Canadá) – Artes da mídia
• Tunis (Tunísia) – Artesanato e arte popular
• Utrecht (Holanda) – Literatura
• Wuhan (China) – Design
• Yamagata City (Japão) – Filme

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas