Mãe é suspeita de espancar e matar criança

Hospital de Trauma da Capital acionou o Conselho Tutelar, que vai apurar se houve maus-tratos

848
COMPARTILHE

Uma criança de dois anos morreu nesta segunda-feira (5) no Hospital de Trauma da Capital. Na última quarta-feira (31), ela deu entrada no hospital levada pela mãe, que alegou que a filha tinha caído de uma escada. Porém, os avós da vítima afirmam que a mãe da criança a espancava.

“Foi maus-tratos. Minha neta vivia comigo, mas a mãe tomou ela de mim. Todos os vizinhos comentam que ela era espancada. Estamos esperando o laudo”, disse a avó.

A avó ainda disse, em entrevista à TV Correio, que o padrasto da criança também agredia a vítima. “Ele já me ameaçou duas vezes. Um dia eu acionei a polícia por causa disso, e minha filha ficou a favor dele. Eu só quero justiça, porque minha neta saiu das minhas mãos viva e agora ta aí, morta”.

O Hospital de Trauma da Capital acionou o Conselho Tutelar, que vai apurar se houve maus-tratos.

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas