Melhores m?dias do Enem ficam com particulares de JP e CG; veja lista completa

5
0
COMPARTILHE

O Instituto de Pesquisas e Estudos Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou nesta quarta-feira (5) a relação de médias por escola do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2014. O Inep não liberou o ranking por média, mas o Portal Correio refez a listagem e trouxe a ordem por média geral e notas da redação de todas as 375 escolas que tiveram alunos participantes no Enem no estado. Veja aqui a lista completa com todas as médias da Paraíba.

Leia mais Notícias no Portal Correio

No ‘top 20’ das médias em provas objetivas, 17 são particulares e três são públicas federais. A Escola Técnica de Saúde de Cajazeiras é 10º lugar. Os campi do Instituto Federal da Paraíba em João Pessoa e Campina Grande aparecem em 11º e 19º lugar, respectivamente. A instituição de ensino com melhor desempenho no exame foi o Motiva. A unidade de Campina Grande aparece no primeiro lugar no ranking estadual, enquanto a de João Pessoa é a segunda colocada, tanto nas provas objetivas, quanto nas notas da redação.

No ‘top 20’ da redação, 15 instituições são particulares, outras cinco são públicas, sendo duas federais e duas estaduais. O IFPB da Capital é 9º colocado, enquanto o campus de Campina fica em 11º.

O Lyceu Paraibano, em João Pessoa, ocupa o posto 14 nas notas da redação, o Sesquicentenário, na Capital, fica na posição 17, enquanto o Elpídio de Almeida (Estadual da Prata) em Campina Grande, está na 20ª posição. Essas instituições não aparecem entre as 20 melhores nas médias das provas objetivas.

Brasil

De acordo com o Inep, as dez melhores escolas públicas do Brasil estão no Nordeste. Ao todo, 15.640 instituições de ensino tiveram os dados divulgados, nas quais 1.295.954 estudantes fizeram o Enem. Veja aqui a relação completa de todo o Brasil, conforme ordem do Inep. 

A Escola Estadual de Educação Profissional Padre João Bosco de Lima, de Mauriti, no Ceará, está no topo do ranking. Segundo o Inep, são escolas de grande porte – com mais de 90 alunos – que tem indicador de permanência alto, onde mais de 80% dos alunos cursaram todo o ensino médio, e têm alunos de nível socioeconômico baixo ou muito baixo.

Segundo o ministro da Educação, Renato Janine, o Inep está propondo pela primeira vez rankings alternativos à listagem pelas maiores notas. “A primeira da lista não é necessariamente melhor, porque existem fatores externos que podem determinar isso. E do ponto de vista da prestação de serviço, se você quer mostrar às famílias qual a melhor escola para o seu filho, às vezes a primeira da lista pode ser muito pequena, e não ter vaga, ou ter uma política restrita de aceitação de alunos. Então, não é uma informação de serviço muito boa. Queremos aproximar o resultado do mundo real e ver a contribuição efetiva das escolas”, disse.

Escola Estadual de Educação Profissional Padre João Bosco de Lima, do Ceará

Escola de Ensino Fundamental e Médio Dep. Cesário Barreto Lima, do Ceará

Escola de Referência em Ensino Médio Coronel João Francisco, de Pernambuco

Escola de Referência em Ensino Médio João Pessoa Souto Maior, de Pernambuco

Escola de Referência em Ensino Médio Barão de Exu, de Pernambuco

Escola de Referência em Ensino Médio Padre Antônio Barbosa Júnior, de Pernambuco

Colégio Estadual Pedro Calmon, da Bahia

Colégio Estadual Dr. Milton Dortas, de Sergipe

Escola de Referência em Ensino Médio Senador Nilo Coelho, de Pernambuco

Escola de Referência em Ensino Médio Manoel Guilherme da Silva, de Pernambuco

*A matéria permaneceu com dados errados acerca das instituições e respectivas colocações até as 13h desta quinta-feira (6), quando foram feitas as correções no texto e na tabela de médias da Paraíba.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas