Menores s?o suspeitos de estuprar deficiente e deixar cano no ?nus da v?tima, na Para?ba

17
COMPARTILHE

Um jovem de 22 anos com problemas de locomoção foi estuprado na cidade de Alagoa Grande, Brejo do estado a 103 km de João Pessoa. A vítima teve um pedaço de cano PVC introduzido do ânus. O estado de saúde do jovem é grave. O caso foi registrado Assentamento Maria da Penha II, zona rural da cidade.

Leia mais Notícias do Portal Correio

Segundo consta no relatório da Polícia Civil de Alagoa Grande, os suspeitos seriam três adolescentes com idades entre 14 e 16 anos. O caso ocorreu na quarta-feira (18), mas os familiares da vítima só prestaram queixa na delegacia local na sexta-feira (20).

Os três adolescentes seriam parentes da vítima. O crime teria acontecido na casa do jovem no momento em que ele estava sozinho na residência. A vítima socorrida para o hospital local, mas transferido para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, conforme informou a Polícia Civil.

De acordo com os médicos, o cano introduzido no jovem perfurou o intestino grosso dele. A vítima está internada na unidade de terapia intensiva (UTI) em estado grave. A Polícia Civil abriu inquérito investigativo para apurar o crime.

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas