Milheiro de telha custa até R$ 320 em JP; veja pesquisa com materiais de construção

87
1
COMPARTILHE

A diferença no preço para uma mesma marca da telha Canal 1º (milheiro) chega a R$ 320, oscilando entre R$ 380 e R$ 700, segundo pesquisa de preços para material de construção realizada pela Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-JP) entre os dias 14 e 19 de setembro de 2016. A maior variação, 312,5%, ficou com o rebocal (20 kg), com valores entre R$ 4 e R$ 16,50, diferença de R$ 12,50. Veja aqui a pesquisa completa.

Leia mais Notícias no Portal Correio

Outros produtos da construção que apresentaram grandes variações foram a lata de 18 litros da massa corrida Iquine, 275%, com preços entre R$ 16 e R$ 60 , diferença de R$ 44; cola para piso (18 kg), 233,3%, com preços entre R$ 6 e R$ 20, diferença de R$ 14; porta almofadada (7×2,10), 116,7%, com preços entre R$ 120 e R$ 260, diferença de R$ 140; tanque resina 1 mt Indimel, 112,05%, com preços entre R$ 40 e R$ 85, diferença de R$ 45,00.

A menor variação encontrada nesta pesquisa, que traz os preços de 102 produtos levantados em 17 estabelecimentos comerciais de João Pessoa, foi da massa corrida 18 litros Coral, 1,7%, com valores entre R$ 16,71 e R$ 17,00, diferença de R$ 0,29.

O Procon-JP pesquisou preços nos seguintes locais: A R Com Ltda e Comtel (Cristo), Depósito dos Construtores (Rangel), Depósito São José (Ilha do Bispo), Depósito Marcos (Funcionários I), O Mestre e Depósito Shalon (Torre), Empório da Construção (Mandacaru), LDF – Lojão do Ferro (Ipês), Comag e Mag Ferragens (Geisel), JF (José Américo), Azer Ferragens (Mangabeira), Fábio ferragens (Bessa), Depósito São José (Manaíra), Tubo e Cia (Cabo Branco) e Depósito Rodrigues Ferragens (Costa e Silva).

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas