Nível do açude de Boqueirão não para de subir e percentual de volume começa a mudar

Nível do reservatório medido nessa segunda-feira (24) pela Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba (Aesa) é o mesmo registrado no dia 6 deste mês

Ciência, Tecnologia e Meio Ambiente | Em 25/04/17 às 07h19, atualizado em 25/04/17 às 07h11 | Por Alexandre Freire
Reprodução/TV Correio HD
Açude Epitácio Pessoa (Boqueirão)

Desde que as águas do Rio São Francisco chegaram ao açude de Boqueirão, a 185 km de João Pessoa, na noite da última terça-feira (18), o nível do reservatório segue subindo e já supera os 3% da capacidade total, que é de 411.686 milhões de metros cúbicos de água. Antes, o reservatório tinha 2,8%

Leia também:

- Açude de Boqueirão segue subindo e já atinge nível de cinco dias atrás

Cagepa diminui racionamento em CG e outras cidades a partir deste sábado; veja mudanças

De acordo com a medição feita nessa segunda-feira (24), pela Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba (Aesa), o nível do manancial chegou a 12,682 milhões de metros cúbicos (m³). O atual volume é o mesmo registrado pela Aesa no dia 6 deste mês, o que significa que em menos de uma semana o açude já recebeu 708 mil metros (m³).

Leia mais Notícias no Portal Correio

Por conta do aumento no volume do açude, a Rainha da Borborema já recebe uma quantidade de água maior desde a quarta-feira (19). Neste fim de semana, a Cagepa já efetuou mudanças no esquema de racionamento que atinge Campina Grande e mais 18 cidades da região metropolitana.

A expectativa da Aesa é que num prazo de 60 a 90 dias a vazão que abastece esses municípios atinja seu nível máximo.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078. 

 

Atenção

Fechar