Mais de 50 autos são lavrados por desmatamento na PB; veja como denunciar crime ambiental

Dois caminhões, uma motosserra e vários metros estéreos de lenha foram apreendidos pela Sudema

Ciência, Tecnologia e Meio Ambiente | Em 13/07/17 às 11h01, atualizado em 13/07/17 às 11h07 | Por Redação
Divulgação
Fiscalização da Sudema realizou 56 apreensões

Dois caminhões, uma motosserra e vários metros estéreos de lenha foram apreendidos em autos de infração realizados pelas equipes de fiscalização da Superintendência de Administração do Meio Ambiente (Sudema) em parceria com o Batalhão de Policiamento Ambiental (BPAmb) apenas no primeiro semestre deste ano. Comente no fim da matéria.

Leia mais Notícias no Portal Correio

De acordo com o BPAmb, 52 autos de infração foram lavrados por desmatamento, dois por transporte irregular de madeira e um por depósito irregular. A lenha apreendida chegou a 79,3 metros estéreos (uma pilha de madeira com um metro de comprimento, um de largura e um de altura).

O artigo 225 da Constituição de 1988 diz que todos têm direito ao meio ambiente ecologicamente equilibrado, bem de uso comum do povo e essencial à sadia qualidade de vida, impondo-se ao Poder Público e à coletividade o dever de defendê-lo e preservá-lo para as presentes e as futuras gerações.

Para coibir crimes contra a flora, as equipes atuam de acordo com o Código Florestal, nos elementos normativos para cada tipo de agressão em suas tipificações dos artigos e suas respectivas punições. Para as denúncias de crimes ambientais, a fiscalização poderá atender por meio do número de celular (83) 988442191 ou através do 3218-5591.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

Atenção

Fechar