Estado vai contratar mais 320 policiais militares concursados para reforçar segurança

Anúncio foi feito pelo governador da Paraíba, Ricardo Coutinho, em edição extra do programa dele no rádio

Polícia | Em 25/08/16 às 13h31, atualizado em 25/08/16 às 17h50 | Por Redação
Divulgação
Segundo Ricardo, novos PMs já vão para as ruas

O governador da Paraíba Ricardo Coutinho (PSB) anunciou nesta quinta-feira (25) que o quadro da Polícia Militar do Estado terá um reforço de 320 policiais concursados. A informação foi divulgada durante edição extra do programa Fala Paraíba, em uma emissora de rádio estatal.

Leia também:

* Procon-PB vai fiscalizar bancos que não instalarem dispositivos contra ataques

Sindicato se mobiliza em campanha contra ataques e assaltos no comércio de JP


* Sete são presos por assalto a ônibus no 'corredor dos arrastões', em João Pessoa

Segundo ele, chega a 1.824 o número contratados na gestão. "Eles entrarão em um curso e vão pras ruas de imediato. A partir de segunda-feira (29), eles estarão sendo chamados pelo comando da Polícia Militar", informou o governador no rádio. De acordo com Ricardo, além dos 320 concursados, ainda irão para ruas mais 600 já incorporados à PM.

O governador citou o que tem feito pela Segurança desde que assumiu o cargo e continuou mencionando mais investimentos. "Vou pagar R$ 10 milhões de prêmios no 'Paraíba Unida pela Paz' pela redução dos níveis de homicídio. O jogo é esse. Atingiu a meta, nós premiamos. Numa época de crise como essa, convenhamos, a Paraíba faz o seu papel. É verdade que algumas áreas integradas de Segurança não bateram as metas. Eu parabenizo a todos, mas infelizmente não receberão os prêmios".

A distribuição das vagas por regiões está sendo analisada em conjunto pela Secretaria de Estado da Segurança e da Defesa Social (Seds) e o comando da Polícia Militar. Será definida uma data para que os candidatos convocados apresentem a documentação definida em edital.

No sábado (20), o governador assinou a nomeação de 30 concursados para implementação do quadro da Polícia Civil do Estado, conforme publicação no Diário Oficial do Estado.

A contratação de concursados para reforçar a Segurança é uma reivindicação constante da população e também dos suplentes aprovados, que frequentemente têm feito manifestações para que sejam chamados. O ato do governador seria uma resposta a esses pedidos, diante da onda de violência nas ruas, no comércio ou nos bancos que, segundo o Sindicato dos Bancários, registraram 71 ataques só neste ano.

Um grupo no Facebook chamado Aprovados PM/PB foi colocado no ar para completar essas reivindicações sobre contratação de policiais concursados na Paraíba.

*Matéria atualizada para incluir mais informações sobre como vai ocorrer a convocação.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

Atenção

Fechar