Anvisa proíbe venda de emagrecedores fitoterápicos clandestinos

Segundo a agência, os fitoterápicos são clandestinos, ou seja, não têm registro que autorize a venda

Saúde | Em 02/02/17 às 15h57, atualizado em 02/02/17 às 15h59 | Por Redação, com Agência Brasil
Marcos Santos/USP Imagens
Imagem Ilustrativa

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) proibiu nesta quinta-feira (2) a comercialização dos emagrecedores Phytoemagry, Natu Diet e Natural Dieta. Segundo a agência, os fitoterápicos são clandestinos, ou seja, não têm registro que autorize a venda.

Leia mais Notícias no Portal Correio

De acordo com a Anvisa, a empresa Natura Leve, fabricante dos três produtos, não tem autorização de funcionamento. “Determinou-se, então, a proibição, em todo o território nacional, da fabricação, distribuição, divulgação, comercialização e uso dos produtos destacados”, informou a agência, em nota.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

Atenção

Fechar