Operação prende filho de prefeito e mais três suspeitos no Sertão da PB

248
COMPARTILHE

O filho do prefeito da cidade de Teixeira, Edmilson Alves dos Reis, mais conhecido como Nego de Guri, foi preso, na manhã desta quinta-feira (5), suspeito de participação em um homicídio no dia 19 de julho deste ano. Além do jovem, outras três pessoas presas pela polícia. Na operação também foram cumpridos 12 mandados de busca e apreensão.

Leia mais Notícias no Portal Correio

Em contato com o Portal Correio, o delegado da cidade de Patos, Demétrius Patrício disse duas pessoas, alvos dos mandados de busca e apreensão, foram flagradas com armas e munições em suas residências. Eles foram liberados após o pagamento de fiança. Já o outro preso é apontado, ao lado do filho do prefeito de ter participado do homicído.

Demétrius Patrício disse que o crime foi uma ‘queima de arquivo’, já que a vítima iria depor no caso que investigava uma tentativa de homicídio contra seu filho. O delegado revelou que a vítima e seu filho faziam críticas à gestão do prefeito, e por isso teriam sido alvo de retaliação. “Como a vítima iria depor no caso que investigava a tentativa de homicídio contra ele, acreditamos que esse crime tenha sido motivado por queima de arquivo”, comentou.

O filho do prefeito foi levado para o presídio da cidade de Patos, onde cumpre prisão temporária.

A reportagem do Portal Correio entrou em contato com o prefeito Nego de Guri, que estava aguardando o voo para retornar de Brasília, onde participou de encontro de gestores paraibanos. Ele disse não estar totalmente inteirado do assunto, mas atribuiu o fato a questões políticas.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas
páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram e veja nossos vídeos no
Youtube. Você também
pode enviar informações à Redação
do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas