Oposição de Ricardo a Temer “dificulta” tomada de recursos em Brasília, diz Ricardo Barbosa

11
0
COMPARTILHE

O deputado estadual licenciado Ricardo Barbosa (PSB), atual secretário do Governo em Brasília, disse nesta terça-feira (19) que encontra dificuldades quando precisa se articular para obter recursos para a Paraíba por conta da oposição de Ricardo Coutinho (PSB) ao governo interino de Michel Temer (PMDB). Barbosa foi o entrevistado do Correio Debate da Rede Correio Sat.

Leia mais notícias de Política no Portal Correio

O secretário explicou que, apesar da posição “clara e contundente” do governador em fazer oposição a Temer, ele tem conseguido vencer essas barreiras para obter recursos importantes para o Estado, frente à crise econômica no país.

“O que pesa em nosso favor é a imagem que o governo do Estado tem em Brasília. A Paraíba é fortemente reconhecida como um Estado que faz a travessia da crise com altivez sem parar as obras, dando sequência à gestão eficiente. Mesmo com o cenário de adversidades, o governador Ricardo tem conduzido a gerência do Estado com louvor. Isso nos ministérios ajuda porque há um respeito”, afirmou Barbosa na entrevista, dizendo ainda que o governo federal não pode negar recursos a um Estado que mantém as contas em dia (o famoso ‘dever de casa’).

Sobre reuniões e conversas com parlamentares da Paraíba, Ricardo Barbosa disse que tem mantido contatos frequentes com os senadores Cássio Cunha Lima (PSDB), Raimundo Lira (PMDB) e José Maranhão (PMDB) e com os deputados federais Veneziano Vital (PMDB), Hugo Motta (PMDB) e Aguinaldo Ribeiro (PP).

Ricardo Barbosa assumiu em Brasília a Secretaria de Estado de Representação Institucional da Paraíba, em 29 de junho deste ano, conforme publicado no Diário Oficial do Estado.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas