Pais redobram atenção ao deixarem filhos na escola, após morte de vigilante em JP

0
COMPARTILHE

A morte do vigilante Fábio Alves na frente de uma escola particular, na Capital, chocou a Paraíba. O fato também trouxe preocupação em relação à segurança em torno das escolas. Os responsáveis redobraram os cuidados na hora de levar os filhos aos colégios para evitar a ação de bandidos.

Leia mais Notícias no Portal Correio

A dona de casa Cristina Marques, por exemplo, tem a missão de levar a neta todos os dias à escola, por isso decidiu adotar alguns cuidados desde a saída de casa. “Procuro sempre levar perto do horário de entrada, não levo bolsa, não levo celular, nada que chame a atenção, e também procuro mudar o itinerário”, disse.

Essas precauções tomadas por dona Cristina também são apontadas pelo Tenente Coronel Onivon Elias, mas ele explica que também é importante entender como agem os assaltantes.

“Em geral, eles vão ser norteados por um binômio que nós chamamos de ‘rapidez e ocultismo’, ou seja, eles vão escolher entre as pessoas aquelas que aparentemente estão mais “fáceis” de serem roubadas no menor espaço de tempo possível, que seria a rapidez, e sem serem percebidos, que seria o ocultismo. É preciso leitura de cenário, estar atento às redondezas”, explicou ele.

Assista abaixo.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas
páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram e veja nossos vídeos no
Youtube. Você também
pode enviar informações à Redação
do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas