Países europeus reforçam segurança após tragédia em Berlim

7
0
COMPARTILHE

O atentado contra um mercado de Natal em Berlim, na Alemanha, e o assassinato do embaixador russo em Ancara, na Turquia, ambos ocorridos ontem (19), fizeram os países europeus reforçarem seus esquemas de segurança para as festas de fim de ano. Na Itália, investigadores estão em contato com as autoridades alemãs para confirmar detalhadamente todas as informações sobre o ataque com um caminhão contra o mercado de Natal que deixou 12 mortos e 48 feridos na noite de segunda-feira.

Leia mais Notícias no Portal Correio

Como consequência do atentado, a segurança das principais feiras natalinas da Itália foi reforçada, como em Bolzano, Merano e Bressanone, cidades da região de Trentino. De acordo com o chefe de polícia da Itália, Franco Gabrielli, foram ajustados dispositivos para prevenir ataques, além do envio de unidades operacionais de socorristas, com médicos e especialistas voluntários próximo à região. A segurança nos mercados também foi reforçada com agentes de Milão e Padova. Segundo as autoridades, nas fronteira terá o acréscimo de mais 50 soldados.

Em Londres, a Scotland Yard anunciou que revisará os seus planos de segurança durante o período das festividades. Já na França, onde é mantido o estado de emergência por ameaça terrorista desde os atentados de 13 de novembro de 2015, as operações continuam e o governo francês anunciou reforços policiais extras. Os mercados natalinos são considerados os principais alvos de atentados terroristas no mês de dezembro na Europa. Em novembro, as autoridades francesas prenderam sete pessoas suspeitas de planejarem atentados.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas