Para?ba recebe R$ 2,9 milh?es extras para combater dengue e microcefalia

0
COMPARTILHE

O governo federal liberou R$ 2,9 milhões extras para combater a dengue e a microcefalia na Paraíba. A liberação de recursos foi assinada pela presidente Dilma Rousseff em dezembro de 2015, mas, segundo o Ministério da Saúde, começou a ser repassada nesta semana. Nesta sexta-feira (15), a presidente R$ 1,27 bilhão divididos para todos os Estados.

Leia também:

App ‘Aedes na Mira’ recebe mais 300 denúncias de focos do mosquito na PB e no Brasil

Microcefalia é “enfermidade gravíssima, sem cura e não temos remédio”, diz ministro

O ministro da Saúde, Marcelo Castro, considera de fundamental importância este recurso extra para as ações nos Estados e Municípios. “Com este reforço financeiro, os Estados e Municípios vão poder potencializar as medidas de combate ao Aedes aegypti para evitar a transmissão de dengue, chikungunya e Zika”, explicou.

O ministro orienta que os cuidados com o mosquito devem ser redobrados nesta época do ano, período de maior incidência das doenças. “É preciso que todos se mobilizem para combater este mosquito. É muito importante sempre verificar o adequado armazenamento de água em suas casas, o acondicionamento do lixo e a eliminação de todos os recipientes sem uso, que possam acumular água e virar criadouros do mosquito”, recomendou Marcelo Castro.

Em 2015, foram registrados 1.649.008 casos prováveis de dengue no país, sendo x na Paraíba, conforme dados da Secretaria Estadual de Saúde. No mesmo ano, o governo federal contabilizou 20.661 casos de febre chikungunya no país, sendo x na Paraíba

Até o dia 9 de janeiro deste ano foram registrados 3.530 casos suspeitos de microcefalia relacionada ao vírus Zika, como divulgou nesta sexta O Ministério da Saúde.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas