Campeões sobem ao pódio/Foto: Divulgação

Paraibano Álvaro Filho fica com o ouro no Sul-Americano

Ele subiu ao pódio com seu parceiro de quadra Saymon e juntos conquistaram medalha de ouro do torneio masculino na etapa Argentina

99
COMPARTILHE

O paraibano Álvaro Filho e seu parceiro de quadra Saymon, do Mato Grosso do Sul, conquistaram medalha de ouro do torneio masculino na etapa Argentina do Circuito Sul-Americano de vôlei de praia 2018. Eles venceram a dupla do Chile. No feminino, Tainá/Victoria (SE/MS) subiram ao lugar mais alto do pódio ao vencerem a equipe do Paraguai.

O resultado deixa o Brasil na liderança do ranking geral, que soma a pontuação de todas as etapas. O país aparece em primeiro com 400 pontos no naipe feminino, e 380 pontos no naipe masculino. A próxima etapa da temporada 2018 acontece já no final de semana seguinte, de 16 a 18 de fevereiro, em Coquimbo, no Chile.

Álvaro Filho e Saymon superaram na disputa do ouro os primos chilenos Marco e Esteban Grimalt, tradicionais adversários das equipes brasileiras no continente. Vitória por 2 sets a 0 (21/16, 21/19) dos atuais campeões brasileiros, que comemoraram o resultado para o país e terminaram a etapa argentina com cinco vitórias e nenhum set perdido.

“Estamos muito realizados por representar bem o Brasil, colocar o país na liderança do ranking geral. Fomos jogo a jogo, sempre focados e respeitando todas as duplas, sabendo que qualquer erro poderia custar uma medalha. Vamos seguir trabalhando forte pensando nos próximos desafios, tanto no Circuito Brasileiro, quanto no Circuito Mundial”, disse Álvaro.

Tainá e Victoria garantiram o ouro ao superarem as paraguaias Michelle e Pati por 2 sets a 0 (21/9, 23/21). A sul-mato-grossense Victoria analisou o resultado e a primeira medalha de ouro da parceria em uma etapa do tour continental. A dupla venceu os cinco jogos sem perder nenhum set na etapa disputada em Rosário.

“Estamos muito felizes, pois por duas vezes havíamos chegado à decisão e ‘batido na trave’, ficando com a prata. Desta vez estávamos ainda mais preparadas e focadas, foi um jogo um pouco complicado no segundo set, pois estava ventando demais, mas conseguimos segurar o placar e ajustar nossa virada de bola. Representar bem o Brasil é sempre motivo de alegria, agora vamos nos preparar para os próximos desafios”, declarou.

Na primeira etapa, em Nova Viçosa (BA), o país havia conquistado ouro, prata e bronze no feminino, além de prata no masculino. A temporada conta com seis etapas para os dois naipes, e dois torneios ‘Finals’ contando apenas com um naipe cada. O calendário completo pode ser acessado no site oficial da Confederação Sul-Americana de Voleibol (CSV), em http://voleysur.org/v2/calendario/calendario.asp.

O ranking geral do Circuito Sul-Americano é feito apenas para os países, contando a pontuação da dupla mais bem colocada das nações em cada parada, mesmo que um país tenha mais de uma dupla no pódio. Os campeões de cada torneio somam 200 pontos, o vice, 180, o terceiro colocado, 160, reduzindo 20 pontos em cada posição seguinte.

CIRCUITO SUL-AMERICANO 2018

1ª etapa – Nova Viçosa (Brasil)

Feminino

Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) – ouro

Tainá/Victoria (SE/MS) – prata

Josi/Lili – bronze

Masculino

Fernandão/Ramon Gomes – prata

2ª etapa – Rosário (Argentina)

Feminino

Tainá/Victoria – ouro

Masculino

Álvaro Filho/Saymon – ouro

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas