Parque do Povo abre Museu Itinerante da diocese de Campina Grande

0
COMPARTILHE

O Projeto Fé e Cultura abriu, nesse sábado (13), o museu itinerante da Diocese campinense, que pelo terceiro ano consecutivo vai funcionar até o final d’O Maior São João do Mundo na réplica da Catedral de Nossa Senhora da Conceição, na parte inferior do Parque do Povo, em Campina Grande

Leia mais notícias de Entretenimento do Portal Correio

Em 2015, o projeto traz para dentro da festa junina uma exposição de Arte Sacra, que tem curadoria e expografia do professor André Oliveira. A mostra possui quadros históricos, painéis fotográficos, objetos e paramentos usados nas cerimônias religiosas, imagens dos santos juninos e tem como intenção apresentar a arte sacra existente na Igreja Católica local.

“Temos aqui algumas mitras diocesanas que foram usadas antes e pós Concílio Vaticano II, além de uma réplica da imagem da Imaculada Conceição, a padroeira de Campina Grande, e uma exposição com as respectivas histórias dos três santos juninos: São João, São Pedro e Santo Antônio”, detalhou André Oliveira.

O vice-prefeito da cidade, Ronaldo Cunha Lima Filho, participou da abertura da réplica da Catedral representando o prefeito Romero Rodrigues. Para ele, o espaço que reproduz a Catedral de Campina é o ponto que mais seduz os visitantes do Parque do Povo.
“Em 2013 e no ano passado a gente teve a iniciativa de abrir esse espaço fundamental para a Diocese. Em 2015, nessa data tão especial, não poderia ser diferente. Dom Delson (bispo diocesano de Campina Grande), com sua grandiosidade e seu espírito eliminado, permite que essa maravilha seja oferecido para os paraibanos, turistas do Brasil e do mundo que visitam O Maior São João do Mundo”, comentou Ronaldo Filho.

A réplica da Catedral ficará aberta todos os dias, das 18h até a meia noite.
Para o bispo de Campina Grande, Dom Manoel Delson, o projeto vem enaltecer os valores religiosos que deram origem a todos os festejos juninos.

“O Projeto Fé e Cultura resgata e valoriza as origens da festa, mostrando ao nosso povo as belezas da arte sacra e valorizando os santos homenageados nos festejos, que muitas vezes são esquecidos dentro das comemorações”, pontuou o religioso.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas