Perfuratrizes do Estado poderão ser usadas para cavar poços emergenciais em CG

28
0
COMPARTILHE

O deputado Bruno Cunha Lima (PSDB) se reúne nesta quarta (8) com o secretário de Recursos Hídricos, Meio Ambiente e Tecnologia do Estado, João Azevedo, para propor ações emergenciais para aliviar o colapso de abastecimento de água na região de Campina Grande.

Leia mais notícias de Política no Portal Correio

“Estamos discutindo o planejamento a longo prazo, mas a crise é aguda e nos obriga a encontrar medidas emergenciais que amenizem o problema, então a pergunta que se impõe é: o que podemos fazer hoje?”, questionou Bruno, respondendo na seqüência: “Uma opção é a perfuração de poços e, para isso, vamos solicitar duas das quatro perfuratrizes disponíveis na antiga Companhia de Desenvolvimento de Recursos Minerais (CDRM), hoje desativada, para que a Prefeitura de Campina Grande possa empreender esta ação”.

Segundo o deputado, a antiga CDRM dispunha de quatro perfuratrizes e apenas uma está em operação. ‘Esses equipamentos acelerariam a perfuração dos poços para viabilizar este socorro à população campinense”, defendeu Bruno Cunha Lima.

O deputado informou que o reforço das perfuratrizes da CDRM foi uma das ações debatidas esta semana em reunião realizada no Sindicato da Indústria da Construção (Sinduscon). “A perfuração de poços tem dado auto suficiência ao seguimento em meio a crise hídrica”, ilustrou.

Apoio da base

Para encaminhar o pedido das perfuratrizes, o deputado pediu o apoio da base aliada. “Quero ir de mãos desarmadas e sem separatismo partidário até o secretário João Azevedo”, acrescentou Bruno Cunha Lima, informando que a reunião contará com a participação de empresários da construção civil.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas