Pesquisa brasileira afirma que composto presente no chá verde inibe vírus da zika

24
0
COMPARTILHE

Uma pesquisa brasileira desenvolvida em três universidades de São José do Rio Preto (SP) e do Mato Grosso do Sul resultou em um artigo científico no qual pesquisadores alegam ter encontrado um composto no chá verde que inibe o vírus da zika.

Leia também: Casos confirmados de microcefalia voltam a subir e causam 17 mortes na Paraíba

O trabalho foi realizado em parceria entre a Famerp (Faculdade de Medicina de Rio Preto), a Universidade Federal do Mato Grosso e a Unesp de Rio Preto.

Conforme a pesquisa, a substância encontrada é o epigalo catequina galato (EGCG), presente em grandes quantidades no chá verde.

Ainda de acordo com a pesquisa, a substância demostrou atividade antiviral intensa para muitos vírus, incluindo o vírus da imunodeficiência humana (HIV), da herpes (HSV), da influenza (gripe) e da hepatite C”, dizem os pesquisadores no artigo.

Segundo os estudos, o composto atua principalmente na inibição da entrada do vírus Zika nas células hospedeiras e os especialistas afirmam que a administração do composto “é segura para os indivíduos saudáveis”.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas