Petr?leo venezuelano caiu para US$ 38 o barril

COMPARTILHE

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, anunciou nesta sexta-feira (21) que o preço do petróleo venezuelano caiu para US$ 38 o barril e, ao mesmo tempo, apelou à população para “cuidar do que têm”, para continuar com os programas de assistência social.

Leia mais Notícias no Portal Correio

“Todos os venezuelanos devem saber em quanto fechou hoje o petróleo, em US$ 38 [o barril]. Estamos fazendo tudo para continuar com o rumo das missões [programas de assistência social], grandes missões, que nada seja paralisado “.

Maduro falou em rede nacional de rádio e televisão, destacando que seu governo deve continuar protegendo “o emprego, o salário, os investimentos em pensões”.

“Se o petróleo caiu, desde o fim do ano passado, de US$ 100 para US$ 40 o barril, como podemos cumprir a meta da Missão Habitação Social [programa governamental de construção habitação social]?”, questionou.

No entanto, ele disse ser possível porque o modelo do país é socialista e se estivesse no poder um presidente “burguês”, a queda do preço do petróleo levaria o poder a “privatizar as empresas, reduzir os salários, deixar de construir habitações sociais”.

A imprensa venezuelana informa que o preço atual do barril de petróleo representa queda de US$ 3,40 em relação à semana passada, quando estava cotado em US$ 41,40. Durante 2013 e 2014, o preço médio de venda do barril de venezuelano foi de US$ 98,08 e US$ 88,42, respectivamente. A atividade petrolífera constitui a principal fonte de receitas da Venezuela.

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas