PMDB adia reunião e Veneziano ironiza situação do partido na Paraíba

16
0
COMPARTILHE

O PMDB-PB não tem dia e nem tem hora para reunir sua Executiva Estadual e discutir a crise entre os grupos que têm, de um lado, o senador José Maranhão e, do outro, o senador Raimundo Lira. Presidente da legenda, Maranhão avisou que só vai tratar dessa convocação depois das visitas do ministro Helder Barbalho (da Integração) e do presidente Michel Temer às obras da transposição. Barbalho estará em Monteiro na segunda-feira (6), enquanto Temer tem previsão de vir à Paraíba na quinta-feira (9).


Leia mais notícias de Política no Portal Correio

A decisão de Maranhão desagradou o deputado federal Veneziano Vital do Rêgo, autor de um requerimento à Executiva cobrando a reunião. Veneziano é secretário geral do partido. “Ele falou que a reunião só acontecerá depois das visitas às obras da tranposição. Eu não sei se ele se refere ao eixo leste, que será na próxima semana, ou se estamos falando do eixo norte que tem previsão apenas para o fim do ano”, reagiu com ironia o deputado.

Em entrevista ao programa ‘Correio Debate’, da 98 FM, Maranhão confirmou que não tem pressa para realizar a reunião interna. “Nós estamos deixando realizar essas visitas do ministro e do presidente e em seguida vamos marcar essa reunião. É possível fazer em março ou abril”, disse.

Por sua vez, Veneziano considera que a falta de decisão é muito ruim para o PMDB. “Imagino que vamos ter que aguentar isso. Como deixar que essa reunião seja postergada para o final de 2017? Isso é muito ruim para o PMDB”, disse.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas