Pol?cia acha R$ 31 mil em dep?sitos banc?rios em casa usada como ponto de drogas, na Para?ba

8
0
COMPARTILHE

A Polícia Civil da Paraíba está investigando o crescimento na venda e consumo de cocaína em cidades pobres do Brejo do estado. A constatação do aumento da droga na região ocorreu nesta quinta-feira (11) quando foram achados comprovantes de depósitos bancários, totalizando R$ 31 mil, durante a operação ‘Beck’, realizada na cidade de Belém, a 123 km de João Pessoa. Drogas e armas foram apreendidas. Quatro pessoas foram presas.

Leia mais Notícias do Portal Correio

Segundo o delegado Walber Virgolino, titular da 8ª Seccional, a operação de combate ao tráfico de entorpecentes foi deflagrada depois de levantamentos feitos pela inteligência. Ao todo, mais de 100 policiais civis e militares participaram da ação de repressão ao tráfico.

“Nesse período junino, a venda e o consumo de drogas sempre aumentam. Fizemos o levantamento das informações e caímos em campo. Foram cumpridos 17 mandados de busca e apreensão e quatro pessoas foram presas em flagrante, entre elas um albergado, que não estava cumprindo o regime. Ele responde por tráfico de drogas”, falou.

Os policiais encontraram em uma residência cocaína, crack e armas. “Dentro da casa, encontramos ainda vários depósitos de um banco privado no valor de R$ 31 mil. Esse dinheiro – sem dúvida – é o pagamento pela venda de cocaína na região. Esse tipo de droga é cara, mas está aumento muito o uso dela no Brejo. Em toda operação, a gente apreende grandes quantidades de cocaína – ou pronta para o consumo (já em pinos) ou para o refino. As pessoas com maior poder aquisitivo ficam camufladas, enquanto que os menos favorecidos sustentam o tráfico de drogas”, disse Walber Virgolino.

Os presos e o material apreendido foram levados para a Delegacia Regional da Polícia Civil. As pessoas serão transferidas ainda na manhã desta quinta para o Presídio Regional Vicente Claudino de Pontes, na cidade de Guarabira.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas