Prefeito teria ?lista da seca’ com ?gua s? para eleitores; gestor diz que oposi??o criou den?ncia

0
COMPARTILHE

Um suposto favorecimento de água envolvendo a Prefeitura Municipal de Montadas, a 155 km de João Pessoa, foi denunciado nessa segunda-feira (26), em rede nacional, pelo programa ‘Repórter Record Investigação’. A distribuição de água estaria beneficiando apenas os eleitores do prefeito Jairo Herculano de Melo (PSB), que nega a denúncia. A seca na Paraíba é a pior dos últimos 50 anos.

Leia mais notícias de Política do Portal Correio

A reportagem mostrou o caso do aposentado Raimundo das Chagas que solicitou água ao governo municipal há três meses, mas garantiu que o líquido ainda não chegou por não ter votado no atual gestor. Idoso e com problemas de saúde, o homem pediu esclarecimento à Prefeitura, mas o problema continua. “Se eu tivesse votado no prefeito, eu seria beneficiado. Fiz o pedido na prefeitura do carro pipa, mas até agora não chegou. Tenho que tirar da minha aposentadoria (R$ 722) para não morrer de sede ”, lamentou.

Audilânio Simplício, ex-funcionário da prefeitura que respondia pela distribuição de água, confirmou a existência de uma ‘lista da seca’ com os nomes dos moradores – que votaram no prefeito e têm água garantida durante o período de estiagem. “Eu fui demitido porque distribuía água para todos que solicitavam o carro pipa, sem fazer distinção de cor partidária. Mas, há uma lista com os nomes dos eleitores do atual gestor”, falou.  

Montadas está em colapso de água e figura na lista dos 195 municípios
que tiveram a situação de emergência decretada pelo governo da Paraíba.
Sobre a denúncia, o prefeito foi ouvido pelo Portal Correio e negou
privilegiar os seus eleitores. “Fui eleito para beneficiar toda a
população e não apenas os meus eleitores. A denúncia não procede e foi
criada pelo grupo adversário, que  não se conforme com a derrota nas urnas. A ‘lista da seca’ nunca existiu. O
jurídico da prefeitura já foi acionado e vai tomar as medidas cabíveis”,
avisou.

Durante 20 dias, a equipe do ‘Repórter Record Investigação’ percorreu mais de três mil quilômetros pelo sertão da Paraíba, passando por algumas das cidades mais afetadas pela falta de água: Santa Luzia, Montadas, Boqueirão e São João do Cariri. Locais onde, sem uma gota de chuva, animais morrem e plantações secam por causa da estiagem. Lugares esquecidos nos quais famílias carentes lutam para sobreviver.

Confira reportagem:

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas